conecte-se conosco



Política MT

TSE mantém cassação do diploma da senadora Selma Arruda e determina nova eleição em MT

Publicado

em

O Tribunal Superior Eleitoral cassou a senadora Selma Arruda e determinou nova eleição ao Senado em Mato Grosso.

Por maioria de votos (6×1), o Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na sessão desta terça-feira (10), manteve a cassação do diploma da senadora Selma Arruda (Podemos-MT) e dos diplomas dos 1º e 2º suplentes da chapa, Gilberto Eglair Possamai e Clerie Fabiana Mendes, pela prática de abuso do poder econômico e arrecadação ilícita de recursos nas Eleições Gerais de 2018. Também por maioria, os ministros da Corte decidiram pela convocação, pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT), de novas eleições para o preenchimento de uma das vagas de senador pelo estado.

Selma foi cassada em decisão unanime do TRE em julgamento realizado na última quarta-feira (10), acusada de caixa 2 e abuso de poder econômico nas eleições de 2018. De acordo com a Procuradoria Regional Eleitoral, R$ 1,2 milhão teria sido gasto por ela sem o devido registro, o que teria desequilibrado o pleito.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política MT

Federação repudia às declarações do governador Mauro Mendes

Publicado

em

A Federação das CDL´s de Mato Grosso(FCDL/MT), entidade do sistema CNDL atuante há quase 37 anos com o objetivo de defender os interesses da classe empresarial, estimular o desenvolvimento e articular políticas de incentivo as 58 CDLs espalhadas pelo Estado e seus associados, manifesta repúdio à declaração proferida recentemente pelo Governador Mauro Mendes, na qual incentiva os consumidores locais a comprarem pela internet e em outros Estados, a partir do aumento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) com a regulamentação da Lei Complementar nº 631/209, e por consequência o aumento dos produtos.

Com essa afirmação, o governador afrontou não só os empresários da região que são os grandes responsáveis por gerar emprego e renda no Estado como os trabalhadores e suas famílias que dependem e precisam estar inseridos no mercado para sobreviver.

A FCDL/MT lamenta esta atitude de desestímulo e desconsideração do atual governo pois equivocada e incoerente com as promessas feitas durante sua campanha. Essa afirmação do ilustre governador também anula a promessa de redução de imposto e enxugamento da máquina pública.

A Federação pede respeito aos empresários que lutam dia a dia contra a situação de penúria a qual se encontra a economia do país e incentivam o fortalecimento do comércio local.

O atual governo está indo justamente na contramão e pode inviabilizar o Estado incentivando compras em outros estados que não tem a mesma carga tributária absurda que ele está impondo ao contribuinte de MT.

Ao proferir essa declaração, o Chefe do Poder Executivo coloca em risco todo o setor produtivo e a vida de milhares de trabalhadores e famílias que vivem aqui e abre ainda mais a concorrência de estados vizinhos e do comércio eletrônico. É um retrocesso para todo o setor produtivo estadual.

Federação das CDLs de Mato Grosso
(FCDL/MT)

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana