conecte-se conosco



Cuiabá

TCE vai apurar causas de mais de 400 obras paralisadas em Mato Grosso

Publicado

em

São mais de 400 obras executadas com recursos públicos que estão paradas em Mato Grosso. A situação é preocupante e o Tribunal de Contas a considerou durante a reestruturação da área técnica pela qual a instituição passou. A fiscalização do tema compete à Secretaria de Controle Externo de Obras e Infraestrutura, que verifica a aplicação de mais de R$ 1,2 bilhão empenhado em obras públicas estaduais em Mato Grosso em 2017. Desse total, apenas R$ 671 milhões foram liquidados.

Emerson Augusto de Campos, secretário de Controle Externo de Obras e Infraestrutura

Com a nova estrutura da área técnica, o TCE direcionou o foco em sua atuação para acompanhar ainda mais de perto se os recursos públicos estão garantindo empreendimentos de qualidade e servindo às pessoas que pagam seus impostos e querem usufruir de aparelhos públicos seguros, eficientes e concluídos dentro dos prazos previstos, sem onerar o erário.

A reestrutura pela qual o TCE passou dá maior capacidade operacional à Secex para atuar na fiscalização de obras públicas. A unidade é liderada pelo secretário, Emerson Augusto de Campos, com os supervisores Mara de Castilho Pinheiro, Nilson da Silva, Yuri Garcia Silva e mais 24 servidores. A fiscalização terá como foco obras e serviços de engenharia nas organizações estaduais e municipais. Na temática obras o trabalho será, em especial, junto à Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística (Sinfra) e à Secretaria Estadual de Cidades (Secid).

SUPERVISORES
  •Secex tem autonomia para realizar auditorias de conformidade e operacionais de obras públicas

Yuri Garcia Silva Mara de Castilho Pinheiro Nilson da Silva

A Secex tem autonomia para realizar auditorias de conformidade e operacionais a respeito da qualidade em obras rodoviárias, por exemplo, laboratório de obras, edificações públicas e pavimentação urbana. Também serão fiscalizados os editais de licitação, controle de qualidade dos dados do Geo-Obras, termos de ajustamento de gestão, as determinações e recomendações dos acórdãos, além de apurar denúncias e representações.

O sistema Geo-Obras é uma ferramenta tecnológica desenvolvida pelo próprio TCE que já cadastrou 16.648 obras públicas em Mato Grosso orçadas em mais de R$ 17 bilhões. Dessas obras, 421 estão paralisadas. O Geo-Obras é considerado ferramenta de excelência e recebeu a certificação da Associação Brasileira de Normas Técnicas, a ABNT, ISO 9001.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Dupla é pega quando furtava academia no bairro Consil em Cuiabá

Publicado

em

Policiais militares do 10º BPM prenderam na madrugada desta segunda-feira (23.11), um homem e uma mulher por furto, no bairro Consil, na capital.

A denúncia via 190 descrevia que o crime estava em andamento e ocorria em uma academia. No local, os suspeitos foram pegos em flagrante. Eles carregavam uma televisão de 50 polegadas, peças de roupas de ginástica e ferramentas.

Os policiais perceberam que a dupla tinha danificado um cadeado e arrombado uma janela para ter acesso à parte interna do estabelecimento comercial, além de danificar a fiação elétrica. O proprietário foi acionado e esteve no local reconhecendo seus produtos.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana