conecte-se conosco



Interior

Taxa de Turismo Sustentável em Poconé entra em vigor no próximo sábado, diz secretário

Publicado

em

A Taxa de Turismo Sustentável em Poconé entra em vigor no próximo sábado (01). Lançado desde julho, o projeto ficou 60 dias em fase experimental e será obrigatório no inicio de setembro.

Animado com os benefícios que o projeto trará ao setor, o secretário municipal de Turismo, Manoel Salvador, o Dodo, lembrou que a cobrança de uma pequena taxa será revertida em melhorias na infraestrutura e ações para preservação do Meio Ambiente..

“Fizemos uma parceria com o Fundo Municipal de Turismo e o setor de Transportes da secretaria de Obras, já iniciamos um trabalho junto aos proprietários de restaurantes, hotéis e pousadas, pedindo que separe o lixo para que a prefeitura recolha toda semana, evitando assim o despejo irregular na estrada do Porto Cercado e na Transpantaneira, está é uma das diretrizes que estão no projeto e já começamos implantar”, declarou.

Conforme o gestor as agencias ainda tiveram prazo de 60 dias para se adaptar e foram aplicando de forma opcional e gradativa o voucher.

O secretário ainda explicou que para ofertar o produto é importante estar regulado e enquadrado nas normas exigidas para atender a demanda no setor.

O prefeito, Tatá Amaral lembrou que além de oferecer melhorias, outro aspecto importante é criar um banco de dados com levantamento sobre o perfil dos frequentadores dos atrativos, pousadas e restaurantes, que dará subsídios para busca de recursos no Ministério do Turismo.

Para Tatá, o meio ambiente também será beneficiado, uma vez que o controle de entrada e saída de visitantes oferece meios para fiscalizar melhor os impactos ambientais.

“Nossos turistas são na sua maioria pessoas educadas, cultas, porém precisamos monitorar como a exploração nos rios e pontos turísticos estão sendo realizados”.

Amaral ainda falou sobre a questão do lixão que preocupa a administração municipal.

“Estamos buscando parceiros para resolver a questão do lixo no nosso município, espero em breve estar anunciando à sociedade poconeana medidas para amenizar este problema que é antigo. Já conversamos com o promotor, demonstrando nosso interesse em implantar medidas eficazes no combate ao descarte irregular do lixo”, declarou.

 

O Voucher

Serão isentos do pagamento da taxa os munícipes poconeanos, os proprietários e possuidores de imóveis (sítios, chácaras ou fazendas) localizados em áreas de turismo, além de crianças, idosos, portadores de necessidades especiais, funcionários/proprietários dos estabelecimentos turísticos e prestadores de serviços da área, sendo necessário a comprovação através dos documentos exigidos por garantia de Lei.

A Lei Nº 1.869/2017 regulamenta a destinação dos recursos arrecadados obtidos através da cobrança da Taxa do Turismo Sustentável, correspondente à 8%(oito por cento) da Unidade Padrão Fiscal fixado pelo município, em benefício aos serviços públicos prestados sendo: 50% (cinquenta por cento) para a Administração Municipal e 50% (cinquenta por cento) para o Fundo Municipal de Turismo. Entre os serviços a serem realizados com os recursos estão a manutenção da infraestrutura física e do acesso e fruição ao patrimônio natural e histórico de Poconé, fundamentais para o desenvolvimento econômico, histórico e cultural do município.

 

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Interior

Indígena é morta com tiro no rosto pelo marido em aldeia de MT

Publicado

em

Indígena identificada como Beatriz Morimã Tukumã, 14, foi morta com um tiro no rosto no final da manhã de terça-feira (24), disparado pelo marido, também indígena de 19 anos, na aldeia Mayrob, que fica 70 km da cidade de Juara (709 km ao Médio-Norte de Cuiabá).

O suspeito foi preso em flagrante pelo crime de homicídio e alegou que ‘não sabia que a arma estava carregada’.

 

De acordo com as informações, a Polícia Civil foi acionada pela enfermeira da aldeia, que foi comunicada que a menor foi atingida por um tiro e que estava ferida. Mas, ao chegar no alojamento da aldeia, Beatriz já estava sem vida.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana