conecte-se conosco



Várzea Grande

Sintep/VG promove Ato Público para exigir que prefeita cumpra a Lei

Publicado

em

Os profissionais da educação da rede municipal de  Várzea Grande, convocados pelo Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público, em Várzea Grande, participaram de Ato Público, nesta terça-feira (18.02), para cobrar da prefeita Lucimar Campos  o reajuste nacional (12,84%) do Piso Salarial Profissional, estabelecido para janeiro de 2020; 13º e férias em atraso para efetivos e interinos, assim como 1/3 de hora-atividade (trabalho extraclasse), que não está sendo paga aos docentes.

Segundo o presidente da subsede Várzea Grande, Juscelino Moura, é recorrente o desrespeito da prefeita Lucimar Campos com os direitos legítimos dos profissionais da Educação. E essa prática tem sido efetivada com a conivência da Câmara Municipal.

Conforme Juscelino, o descumprimento das Leis, inclusive federais, geram prejuízos também para os servidores técnicos, que estão com salários achatados em 14,98%. A prefeitura desrespeita o enquadramento dos trabalhadores/as da educação (nível e classe), conforme o tempo de serviço e qualificação adquirida. “O que resulta em defasagem salarial para toda a categoria”, alertou.

Outra reivindicação do Sindicato é que a prefeitura cumpra a lei da carreira existente (nº 3.797) e ao mesmo tempo a reformule, pois está defasada. Estão ainda na lista das reivindicações a aplicação do piso salarial para as horas trabalhadas dos interinos, assim como o pagamento de hora-atividade, que não é paga. “Os profissionais cumprem a mesma função e possuem a mesma qualificação, precisam receber a hora atividade, 13º e férias”, disse.

O presidente do Sintep/MT, Valdeir Pereira, parabenizou os profissionais de Várzea Grande pelo ato, que exige cumprimento de direitos consolidados na legislação. “A hora de luta é agora. Toda a vez que nossos direitos forem atacados. Nosso lema é nenhum direito a menos”, ressaltou.

A subsede segue exigindo reconhecimento da qualificação dos funcionários das escolas; direito a Licença Prêmio, Reformas e Climatização nas escolas, e construção de creches, conforme determina o Plano Nacional de Educação (PNE).  A mobilização contou com a participação dos servidores de outras categorias do serviço público municipal , chamdos pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Várzea Grande (Simvag).

Assessoria/Sintep-MT

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Várzea Grande

Empresário sofre infarto, capota veiculo e morre na Rodovia dos Imigrantes

Publicado

em

O empresário do ramo de mineração, Rildo Lorezon, de 50 anos, morreu após capotar uma caminhonete L200 que estava dirigindo.
Rildo ficou preso às ferragens do veículo.
O acidente ocorreu no início da noite desta terça-feira (31) no quilômetro 518 da BR-070 (Rodovia dos Imigrantes) em Várzea Grande.
O filho da vítima de 14 anos que também estava no veículo foi levado em estado grave a uma unidade de saúde.
De acordo com informações da Rota do Oeste, a concessionária foi acionada para dar apoio é ao chegar ao local constatou que a caminhonete capotou e saiu da estrada vicinal e deixou os dois ocupantes gravemente feridos.
Foi constatado que o motorista já estava em óbito.
Como o acidente aconteceu por volta das 18h00, o corpo da vítima fatal ainda deverá ser levado ao IML para exames de necropsia

Redação

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana