conecte-se conosco



Cuiabá

Shows, festas, exposição, teatro, eventos culturais, tudo que acontece em Cuiabá você confere aqui

Publicado

em

Outro final de semana bate à porta dos cuiabanos e sempre seguindo a proposta do prefeito Emanuel Pinheiro de valorizar a cultura regional da Capital mato-grossense, a Secretaria de Inovação e Comunicação destaca para todos os servidores da Prefeitura de Cuiabá, os principais eventos que acontecem nesta sexta-feira (20), sábado (21) e domingo (22).

Para quem curte a boa música sertaneja, um dos shows mais esperados pelo público cuiabano é o “Largado às Traças” que promete animar o público mato-grossense com apresentações dos cantores Zé Neto e Cristiano com a participação de Hugo e Guilherme. A festa promete ir até o dia clarear. Outro evento sertanejo que vai dar o que falar é o tão esperado show dos irmãos Zezé Di Camargo e Luciano que vai embalar a noite dos casais apaixonados. E se engana quem pensa que Cuiabá só tem música sertaneja, no sábado acontece uma das maiores baladas eletrônicas o Vintage Culture, ninguém vai querer perder.

Isso é um pouco do que vai acontecer na Capital mais quente do Brasil, ainda teremos por aqui, teatro, programação infantil, exposição e muito mais.

 

Shows e Festas

1. O que: Largado às Traças com Zé Neto & Cristiano, participação Hugo e Guilherme

Quando: Sábado (21)

Onde: Acrimat

 

2. O que: Show Zeze Di Camargo & Luciano

Quando: Sábado (21)

Onde: Malai Resort

 

3. O que: Vintage Culture

Quando: Sábado (21)

Onde: Musiva

 

Exposição e Teatro

1. O que: Peças de 21 etnias integram mostra sobre os povos indígenas de MT -“Povos Indígenas – Cuiabá 300 anos

Quando: Sexta-feira (20), Sábado (21)

Onde: Museu da Imagem e do Som, Rua 7 de setembro, 1 – Centro Histórico de Cuiabá

 

2. O que: Espetáculo ‘Cafundó – Onde o vento faz a curva’- A peça estreou há 25 anos e, desde então, já foi apresentada mais de 1.200 vezes em três continentes, América, Europa e África, em países como Bolívia, Peru, Equador, Espanha e Portugal.

Quando: Sexta-feira (20)

Onde: Cine Teatro Cuiabá

 

3. O que: Comédia romântica Loucos de Amor – mistura cinema independente e teatro, traz Eduardo Butakka e Thyago Mourão como o casal neurótico Amanda e Ricardo. Na peça, Butakka interpreta Amanda, uma atriz que não consegue trabalho e se encontra frustrada em seu relacionamento com Ricardo, vivido por Mourão. Ricardo é o típico acomodado. Hipocondríaco, trabalha como representante de medicamentos e tenta, a seu modo, agradar sua destemperada esposa.

Quando: Domingo (22)

Onde: Cine Teatro Cuiabá

 

Filmes e Criança

1. O que: Filme Drama – Depois do Casamento – A gerente de um orfanato em Calcutá, na Índia, luta para manter o estabelecimento funcionando. Desesperada por dinheiro, ela acredita ter encontrado a benfeitora perfeita (Julianne Moore), dona de uma empresa multimilionária. Porém, para receber o dinheiro, ela precisa viajar até Nova York e conhecer a mulher por trás da riqueza, em meio a uma pomposa celebração matrimonial.

Quando: Sexta-feira (20), Sábado (21) e Domingo (22)

Onde: Cine Araújo, Cinépolis e Cinemark

 

2.O que: Rambo: Até O Fim | Rambo: Last Blood- O tempo passou para Rambo (Sylvester Stallone), agora ele vive recluso e trabalha em um rancho que fica na fronteira entre os Estados Unidos e o México. Sua vida antiga marcada por lutas violentas, mas quase sempre vitoriosas, ficou no passado. No entanto, quando a filha de um amigo é sequestrada, Rambo não consegue controlar seu ímpeto por justiça e resolve enfrentar um dos mais perigosos cartéis do México.

Quando: Sexta-feira (20), Sábado (21) e Domingo (22)

Onde: Cine Araújo, Cinépolis e Cinemark

 

3. O que: Brinquedo inflável gigante – Considerado um dos maiores brinquedos infláveis do mundo, o Go Bigger. A atração inédita leva diversão para crianças, jovens e adultos em um percurso de 300 metros com pula-pula, corrida de obstáculos, cama elásticas, labirinto, escorregadores e piscina de bolinhas.

Quando: Sexta-feira (20), Sábado (21) e Domingo (22)

Onde: Estacionamento do Pantanal Shopping

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Estado processa Prefeitura por impedir fiscalização dos leitos para coronavírus

Publicado

em

O Governo de Mato Grosso ingressou com uma ação judicial contra a Prefeitura de Cuiabá, na última quarta-feira (27.05), para garantir a fiscalização nos hospitais do município que possuam leitos de UTI voltados aos pacientes com coronavírus.

A ação, com pedido de liminar e multa diária de R$ 50 mil por descumprimento, foi protocolada pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) após a Prefeitura impedir – sem qualquer motivo plausível – a equipe de supervisão hospitalar de auditar as unidades, especificamente no Hospital Municipal de Cuiabá, no Hospital São Benedito e no Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá.

No processo, o Governo relatou que existe uma portaria do Ministério da Saúde autorizando a habilitação de leitos exclusivos para a covid-19, desde que a solicitação seja conjunta entre município e estado. Cada leito habilitado recebe uma quantia diária de R$ 1,6 mil para custeio e manutenção, valor que é custeado pelo Ministério da Saúde e pelo Governo do Estado.

No caso da Prefeitura de Cuiabá, foram habilitados 100 leitos: 10 no Hospital e Pronto Socorro Municipal de Cuiabá; 60 no Hospital Municipal de Cuiabá e 30 no Hospital São Benedito.

“Desse modo, figurando o Estado de Mato Grosso como cofinanciador dos recursos financeiros para custeio dos Leitos de UTI, e de acordo com as normativas subjacentes, o Ente Estadual possui o dever de auditar os leitos, devendo validá-los pela equipe de supervisão hospitalar da SES, a fim de que o Ente Municipal receba o repasse dos recursos provenientes do Tesouro Estadual”, diz trecho do documento.

Apesar de ter o dever de auditar e validar os leitos habilitados, a equipe de supervisão hospitalar da Central de Regulação Estadual passou a ser impedida pela Prefeitura de entrar nas três unidades de saúde, não restando ao Governo do Estado outra opção senão a de ingressar na Justiça.

“A conduta do Município de Cuiabá, no sentido de impedir a entrada da equipe de supervisão da Central de Regulação nos citados Hospitais de Cuiabá, caso persista, acarretará na suspensão do cofinanciamento Estadual dos Leitos de UTI destinados à Covid-19, fato que prejudicará toda a Saúde Pública do Estado, diante da possível diminuição do número de leitos para tratamento intensivo dos pacientes atingidos pela Pandemia”, afirma a petição.

Prefeitura prejudica cidadãos

De acordo com a ação, tanto a Lei Complementar Federal 141/2012 quanto o Decreto 456/2016 deixam claro que a área técnica da Secretaria de Estado de Saúde deve fazer o  monitoramento e avaliação dos Termos de Compromissos firmados para o repasse de recursos, “os quais poderão ser suspensos quando descumpridas as normas legais”.

“Tais dispositivos decorrem da necessidade de transparência na Gestão Pública, tradução do princípio Constitucional da Publicidade, obrigando o Ente que recebe recursos para financiamento das ações de saúde a prestar contas acerca de sua correta aplicação, não sendo possível, assim, obstar a fiscalização do Ente transferidor, sob pena de suspensão dos repasses e demais penalidade previstas”.

O Governo ressaltou que na situação delicada que o Brasil passa por conta do coronavírus, é necessário ter ainda mais rigor “na fiscalização dos escassos recursos que estão sendo empregados no combate à Pandemia”.

“O Município de Cuiabá, embora esteja recebendo Recursos do Fundo Estadual de Saúde para o Cofinanciamento das UTI destinadas ao atendimento exclusivo à Covid-19 (Portaria n°152/2020/GBSES), está obstando, de forma imotivada, o ingresso da equipe de supervisão hospitalar da Central de Regulação Estadual nos Estabelecimentos de Saúde Municipais que possuem os leitos exclusivos para tratamento da Covid-19, ferindo a transparência que se espera dos Gestores Públicos”.

Também foi registrado que se a Prefeitura insistir nessa conduta, acabará por prejudicar os cidadãos que venham a necessitar dos leitos de UTI, “uma vez que o Estado terá de suspender o repasse de elevado valor referente ao Cofinanciamento das diárias dos citados Leitos, o que poderá impactar na própria manutenção ou na diminuição do número de Leitos destinados aos pacientes Covid-19”.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana