conecte-se conosco



Várzea Grande

Sintep VG ameaça,se a prefeita vetar e os vereadores não derrubarem o veto : é greve!

Publicado

em

A Prefeita de Várzea Grande Lucimar Campos (DEM) vem adotando uma conduta anti-sindical, pois continua se negando a dialogar com os representantes dos trabalhadores da educação de VG e enviou um projeto de recomposição salarial que além de parcelar em 3 vezes os 12,84%, beneficia apenas aos professores e exclui os servidores técnicos da educação – TDE, TSAE e TAE.

Diante do Projeto da Prefeita que desrespeita o Plano de Carreira (PCCS) dos Servidores Públicos de VG, Lei 3.797/12, Lei Federal do FUNDEB e Lei Federal 11.738/2008, a direção do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Várzea Grande (Sintep/VG) articulou junto à Câmara de Vereadores uma proposta de Emenda Modificativa que garante a recomposição salarial 12.84% para todos os profissionais da educação (professores e técnicos).

“Mas, já que a prefeita Lucimar Campos não respondeu ao Sindicato, conforme o secretário de administração, Pablo Pereira, havia se comprometido no dia 18/03, dia da vigília no Paço Municipal, e de acordo com as informações que chegaram via grupos de whatasap e através de alguns vereadores, a situação é a seguinte: Caso se confirme o Veto da Prefeita, a questão volta novamente para as mãos dos vereadores que terão que manter a palavra e derrubar o VETO da prefeita”, explica o presidente do Sintep/VG, Juscelino Dias de Moura.

“Vamos acompanhar a sessão e cobrar dos vereadores a derrubada do VETO e a aprovação da recomposição salarial de 12,84% para todos os profissionais da educação (professores e servidores técnicos – TAE, TDE e TSAE). Com a pandemia do COVID 19, a pressão será pelas redes sociais. A prefeita está subestimando a nossa capacidade de organização e de mobilização. Convoque toda a sua família e amigos vamos mostrar a força dos trabalhadores da Educação”, reforça o presidente do Sintep/VG, professor Juscelino Dias.

“Por outro lado, conforme Assembleia Geral realizada dia 17/03, na porta da Câmara de Vereadores, a categoria continua em Estado de GREVE e poderá iniciar Greve por tempo indeterminado, caso a recomposição para todos seja VETADA”, completa o professor lembrando as últimas decisões da categoria para a assegurar a valorização Profissional para todos.

 

Por Sintep VG

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Várzea Grande

Várzea Grande regsitra 14 mortes pela covid-19; MT tem 8 óbitos em 24 horas

Publicado

em

O Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus (COVID 19) e a Secretaria de Saúde, ambos de Várzea Grande, lamentam informar o 13º e
14º, óbitos de novos pacientes internados com COVID 19.
* A paciente M. A. S, 84 anos, foi internada no dia 14 de maio, na UPA Dr. Farid Seror (Grande Cristo Rei) com tosse seca, fraqueza e
fadiga, quadro de uma semana antes da internação. Hipertensa e com quadro evoluindo para gravíssimos, confirmando COVID 19 em teste rápido,
foi transferida para o Hospital Estadual Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá evoluindo a óbito;
* O paciente A. A. S, 88 anos, portador de Alzheimer e Hipertensão, acamado e deficiente visual, foi atendido no Hospital Pronto Socorro de Várzea Grande no dia 23/05 trazido pelo SAMU, devido queixa de dispneia importante, rebaixamento do nível de consciência. Febre constante e tosse seca há pelo menos 13 dias.  Quadro evoluiu para parada cardiorrespiratória e após reanimação cardiopulmonar, recebeu
diagnóstico de COVID-19, por teste rápido e encaminhado para o Hospital Metropolitano, no mesmo dia, permanecendo internado até a data de hoje
em que foi a óbito.
* O paciente O M. S, 57 anos, com diagnóstico de insuficiência cardíaca, insuficiência renal, obesidade, hipertensão e diabetes,
procurou o Hospital Amecor, no dia 17/05, tendo ficado internado até a data 23/05 para tratamento de miocardiopatia. No dia 25/05, apresentou
sintomas de febre, tosse e vômito tendo procurado o hospital somente no dia 29/05, por volta das 16h já com quadro de insuficiência respiratória
aguda grave e que evoluiu para o óbito no mesmo dia (29/05) às 23:50h.
Foi realizado o teste rápido no dia do atendimento (29/05) em que o resultado foi negativo e também a coleta de material para exame RT-PCR
saindo o resultado de exame laboratorial somente hoje 02/06, positivo confirmando a causa básica do óbito para COVID-19.
O Comitê de Enfrentamento e a Secretaria Municipal de Saúde reforçam novamente a importância das pessoas se resguardarem, e resguardarem as de mais pessoas do seu próprio convívio, promovendo o isolamento social e o Home Office quando possível e meios de segurança quando necessário sair para trabalhar, como distância de 1,5 metros entre as pessoas, uso contínuo de máscaras e quando necessário luvas, água e sabão constantemente e álcool gel.
As autoridades lembram que cabe a cada cidadão adotar as medidas para ajudar no combate a pandemia da COVID 19.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana