conecte-se conosco



Cuiabá

Recomendações diante da baixa umidade do ar são reforçadas pela Prefeitura

Publicado

em

Com a umidade relativa do ar chegando à casa dos 12%, na tarde desta terça-feira (14), conforme apontamento do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), a Prefeitura de Cuiabá está orientando a população sobre as medidas necessárias a serem adotadas durante o período de intenso calor e baixa umidade na Capital mato-grossense.

O alerta feito pelo Executivo segue a política de humanização na prestação dos serviços ofertados pelo Município, implantada pelo prefeito Emanuel Pinheiro, na qual está incluso o trabalho preventivo, visando possibilitar que o munícipe sofra o mínimo de desconforto possível diante da situação climática. Dessa forma, a Defesa Civil de Cuiabá recomenda que alguns cuidados sejam adotados pelos cuiabanos, principalmente no período entre 10h e 16h.

Conforme explica o diretor de Proteção e Defesa Civil do Município, Paulo Wolkmer, a época com clima seco começa a apresentar os primeiros indícios de queda na umidade no mês de julho, tendo agosto como pico e seguindo até primeira metade de setembro. A partir desse momento, a Capital começa a receber as primeiras chuvas, amenizando o quadro. As orientações prestadas pela Prefeitura são estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

“Com a constatação da queda na umidade relativa do ar, consideramos extremamente necessário realizar esse alerta, para que algumas precauções simples e práticas sejam adotadas. Sendo assim, recomendamos, de imediato, a suspensão da prática de atividades físicas, entre 10h e 16h. Essa é uma atitude que deve ser adotada inclusive nas escolas, mesmo que as atividades sejam realizadas em quadra coberta”, comenta o Wolkmer.

O diretor destaca que a prática da ação de precaução é fundamental para que a preservação da saúde e bem estar de todos esteja assegurada. Como complemento da primeira medida, ele aconselha ainda que o consumo diário de água seja aumentado e a exposição direta aos raios solares seja evitada, utilizando guarda-sol ou protetor solar. Também é indicado que em ambientes fechados faça-se o uso de umidificador, de recipiente com água ou, até mesmo, uma toalha molhada.

Confira a classificação dos estados de criticidade definida pela OMS:

Acima de 30% – Aceitável

Entre 21 e 30% – Estado de Atenção

Entre 12 e 20% – Estado de Alerta

Abaixo de 12% – Estado de Emergência

Clique para comentar
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Cuiabá

Mutirão da Conciliação Fiscal é retomado com prazo de atendimento até 26 de fevereiro

Publicado

em

por BRUNO VICENTE

 

A Prefeitura de Cuiabá retomou nesta segunda-feira (18) as negociações de débitos do contribuinte com o Município, por meio do Mutirão da Conciliação Fiscal. A medida foi estabelecida pelo Decreto nº 8.310, já publicado na Gazeta Municipal, e atende as solicitações feitas pela população que não conseguiu efetivar o procedimento até o dia 30 de dezembro de 2020. O novo prazo para realização dos acordos vai até o dia 26 de fevereiro.

Conforme o documento assinado pelo prefeito Emanuel Pinheiro, as negociações continuarão acontecendo de forma virtual, por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O cidadão que deseja ter acesso aos benefícios oferecidos pelo Mutirão pode acessar o perfil Refis Online, pelo computador e celular. No site, o munícipe irá localizar seu cadastro, selecionar o débito, escolher a opção de pagamento e concluir a conciliação.

O modelo inovador permite que o contribuinte negocie seus débitos sem precisar sair de casa, inclusive aos sábados e domingos. O evento foi lançado no dia 10 de dezembro e, inicialmente, estava programado para ser encerrado no dia 20. Posteriormente, por determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, o período foi estendido para o dia 30 de dezembro e, agora, segue com o atendimento até o dia 26 de fevereiro.

“Nos primeiros 20 dias de negociações, conseguimos formalizar mais de 7 mil acordos, por meio de uma edição histórica realizada de forma virtual. No entanto, muitas pessoas não perderam o prazo e nos solicitaram essa retomada. O prefeito Emanuel Pinheiro mais uma vez atendeu e vamos retomar esse atendimento. É uma medida que o cidadão ganha e o Município também”, explica o procurador fiscal Cézar Campos.

No Mutirão, é possível negociar dívidas de impostos municipais como pendências do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) e Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), além de multas do Procon, ambientais e de trânsito. Os descontos chegam a até 95% nos juros e nas multas moratórias para pagamentos à vista; 60% para parcelamento em até 12 vezes; 50% para até 24 meses; e 30% quando o débito for dividido entre 25 e 48 vezes.

Somado ao portal Refis Online, a Prefeitura também colocou à disposição da população canais de atendimento, via telefone e WhatsApp, pelos quais todas as dúvidas referentes ao Mutirão da Conciliação Fiscal podem ser sanadas.

Confira os canais para contato:

Procuradoria Fiscal do Município:

Telefones e Whatsapp: (65) 99223-6668; (65) 98448-5830; (65) 99251-3390.

E-mail: [email protected]

CIAC – Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte:

Telefones e Whatsapp: ISSQN: (65) 98453-6949; (65) 99227-7942; (65) 99226-7561.

E-mail: [email protected]

SEMOB – Secretaria de Mobilidade Urbana:

Telefones e Whatsapp: (65) 99215-5186; (65) 99235-6950.

E-mail: [email protected]

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana