conecte-se conosco



Cuiabá

Projeto prevê cassação de vereador que espalhar fake news em Cuiabá

Publicado

em

Tramita na Câmara de Cuiabá um projeto de resolução que prevê a cassação do mandato do vereador que espalhar notícias falsas relacionadas aos colegas, as chamadas fake news.

A proposta, assinada pelo vereador Luiz Cláudio (PP), inclui produzir notícias falsas em desfavor dos vereadores, fazer ou usar montagem a fim de alterar a fala do vereador em plenário, edição de vídeos entre outros meios enganosos, a fim de distorcer a verdade real, inclusive no momento de votação e posicionamento em plenário.

Se a proposta for aprovada em plenário e sancionada pelo Poder Executivo, haverá primeiro uma advertência.

Caso haja reincidência, o vereador será submetido à penalidade mais grave, sendo essa a perda de mandato.

Fake news significa “notícias falsas”. São as informações noticiosas que não representam a realidade, mas que são compartilhadas na internet como se fossem verídicas, principalmente em redes sociais.

Normalmente, o objetivo de uma fake news é criar uma polêmica em torno de uma situação ou pessoa, contribuindo para o denegrimento da sua imagem. Por ter um teor extremamente dramático, apelativo e polêmico, as fake news costumam atrair muita atenção das massas, principalmente quando estas estão desprovidas de senso crítico.

Por Flávia Borges, G1 MT

Cuiabá

Após imprensa, Abílio agora ataca Justiça e até Polícia Federal

Publicado

em

candidato Abílio Junior (Podemos) votou às 11 da manhã,  no Colégio José de Mesquita, no Bairro do Porto e, já na chegada ligou sua metralhadora verborrágica e atacou a Justiça Eleitoral e, pasmem, a Polícia Feferal, hoje a instituição mais respeitada no país.

Segundo Abílio, as entidades não combateram as fake news.  durante a campanha. “Eu vi pouca ação da Polícia Federal e do Poder Judiciário.

Eu vi tanta propaganda do Tribunal Superior Eleitoral de que haveria ações da Polícia Federal, Judiciário, para combater as fake news.

Nós provamos que era mentira. Teve nota da igreja, nota de vários outros. Até padrasto falso arrumaram para mim, mas a gente conseguiu vencer na Justiça todas essas mentiras.

Mas ainda assim trouxe um prejuízo porque no Whats e nos outros grupos a gente não conseguiu mostrar para todo mundo”, disse.

 

Por Repórter MT

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana