conecte-se conosco



Cuiabá

Posto Avançado do Sine Municipal no Shopping Popular atende em média 5.500 pessoas mês

Publicado

em

Maria Laura

Da Assessoria

O posto avançado do Sine Municipal no Shopping Popular, atende em média 220 pessoas por dia, oferecendo serviços de confecção de Carteira de Trabalho, entrada no Seguro Desemprego e serviços de Intermediação de mão de obra.

A Gerente, Sildenis Barros diz que interessados nas vagas que se encontram disponíveis, podem se candidatar também pelo aplicativo “SINE FÁCIL”, e solicitar a carta de encaminhamento que é retirada pessoalmente no Sine Municipal. Vale lembrar que quem não possui os quesitos exigidos não consegue preencher a vaga.

Na Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, existe um trabalho de capitação daqueles candidatos que estão disponíveis para vagas solicitadas, assim explica o Diretor do Sine Municipal, Rafael Butareli. “O trabalhador que se encontra disponível e ainda não foi chamado, nós fazemos o contato pelo telefone que o mesmo colocou em seu cadastrado para fazer capitação desses convocados.” Rafael ainda ressalta sobre a importância de ter o cadastro no Sine “É necessário fazer o cadastro no Sine, pois quando a empresa abre a vaga, o próprio sistema já faz o ligamento do trabalhador apto ao cargo, e o mesmo deve procurar a unidade física para a carta de encaminhamento”.

Informações sobre vagas ficam disponíveis pelo site empregabrasil.mte.gov.br/ basta preencher o campo ‘vagas de emprego’, colocar a ocupação desejada e o local e após se dirigir ao sine ou as segundas-feiras no site da prefeitura de Cuiabá, cuiaba.mt.gov.br

O Sine do Shopping Popular fica aberto de segunda a sexta-feira das 07h às 17h, para mais esclarecimentos ligue 3664-1503.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Quinta-feira (3): Mato Grosso registra 161.116 casos e 4.164 óbitos por Covid-19

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quinta-feira (03.12), 161.116 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 4.164 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 576 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 161.116 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 2.975 estão em isolamento domiciliar e 153.477 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 146 internações em UTIs públicas e 123 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 36,23% para UTIs adulto e em 14% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (35.842), Rondonópolis (11.968), Várzea Grande (11.432), Sinop (8.459), Sorriso (6.946), Lucas do Rio Verde (6.302), Tangará da Serra (6.182), Primavera do Leste (5.319), Cáceres (3.625) e Nova Mutum (3.424).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 127.646 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 423 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última quarta-feira (2.12), o Governo Federal confirmou o total de casos da Covid-19 no Brasil 6.436.650 e 174.515 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 6.386.787 casos da Covid-19 no Brasil e 173.817 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de quinta-feira (03.12).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

 

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana