conecte-se conosco



Cuiabá

Pinheiro lança Hora Estendida e Centro de Saúde do Tijucal passa a funcionar até às 21h

Publicado

em

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro lançou nesta terça-feira (10), o Projeto Hora Estendida em unidades de Saúde da Atenção Básica. A nova modalidade que passa a ofertar atendimentos das 8h às 21h é componente do Programa Unidade de Medicina Ambulatorial em Especialidades (MAE), criado para humanizar os atendimentos objetivando a promoção em Saúde.

O projeto piloto passa a funcionar no Centro de Saúde do bairro Tijucal na Regional Sul, com previsão de expansão para as demais regionais nos próximos meses. Além dos atendimentos inerentes às unidades básicas de Saúde, à população que buscar a Hora Estendida, terá além dos serviços inerentes aos postos de Saúde, exames laboratoriais, emergências de baixa complexidade e atendimentos odontológicos.

De acordo com Pinheiro, a exemplo do Programa Hora Estendida em creches e Centro Municipal de Educação Infantil – CMEIs (também lançado de forma inédita em Mato Grosso por sua gestão) a ampliação do horário na rede Básica de Saúde, visa, sobretudo, contemplar os trabalhadores cuiabanos que não tinham tempo de buscar os serviços na Atenção Básica.

“Eu prometi cuidar daqueles que dependem exclusivamente do poder público e, assim como humanizamos a vida dos trabalhadores estendendo o horário de atendimento nas creches e CMEIs, também escrevemos uma nova história para esses trabalhadores na Saúde. Era impossível para um trabalhador buscar os atendimentos na rede Básica, vez que o funcionamento normal é das 7h às 17h com intervalo para almoço. Mas, a partir de hoje, com o projeto Hora Estendida, damos início à virada de página da Saúde também na Atenção Básica que passa a ofertar atendimentos, inclusive da odontologia prontos para atendê-los das 7h às 21h sem intervalo para almoço”, frisou o prefeito.

Conforme o secretário de Saúde, Luiz Antônio Pôssas de Carvalho, a Hora Estendida na Atenção Básica deverá diminuir a o fluxo de busca pelas Unidades de Pronto Atendimentos 24 horas (UPAs) e policlínicas.

“O prefeito Emanuel Pinheiro esta redesenhando o fluxo de atendimento na Saúde de Cuiabá desde a média e alta complexidade à Atenção Básica. Dessa forma na reta final de entrega do HMC, o que de acordo com técnicos da área está dando um salto de 20 anos na Saúde do Estado, a Hora Estendida vem para ajudar a melhorar o fluxo de atendimento da urgência e emergência. Isso porque, além de contar com mais uma opção de atendimento, na rede Básica o paciente poderá dar sequência no tratamento perto de sua casa e com as Equipes de Saúde da Família que é quem o Mistério da Saúde preconiza para acompanhá-lo”, destacou.

A dona de casa, Quitéria Santos de 66 anos, aprovou a iniciativa da gestão. “Só de saber que se teremos o nosso posto de Saúde aberto até às 21h é um benefício enorme. As vezes, a gente só precisa trocar uma receita que não dá pra fazer na hora do trabalho e acaba tendo que em uma UPA e a gente sabe que atrapalha as pessoas que estão mais graves. Então o prefeito está de parabéns, isso beneficia quem quer cuidar para não ficar doente e quem está grave em uma UPA que terá menos pessoas em sua frente para ser atendido”, completou.

Além do MAE na Atenção Básica, o prefeito informou que Lançará o Projeto PAI para dar sequência à humanização da Saúde na rede Secundária.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Trabalho na Orla do Porto II entra na etapa de construção do muro de gabião

Publicado

em

A Prefeitura de Cuiabá segue avançando com a obra de requalificação da segunda etapa da Orla do Porto. Previsto para ser concluído no segundo semestre deste ano, o trabalho se encontra, neste momento, na etapa de construção do muro de gabião. No local, mais de 30 operários atuam diariamente na execução desta que é considerada a principal fase da obra, já que a estrutura é diretamente responsável pela estabilização do solo.

Conforme o cronograma da Secretaria de Obras Públicas, responsável pela coordenação das atividades, a previsão é de que esse serviço dure pelo menos mais 30 dias. Após a conclusão da edificação do muro, a equipe passa a operar no aterramento da área, seguindo para a construção do calçamento. A requalificação abrange o trecho, às margens do Rio Cuiabá, situado entre a Ponte Júlio Muller e o Cais do Porto.

“Essa é uma obra que, somado a recuperação e embelezamento da área, tem como grande objetivo tornar a orla do rio um local atrativo, potencializando o turismo natural. Para isso, estamos investindo um montante de aproximadamente R$ 3.7 milhões. Esse recurso é, em boa parte, oriundo do Ministério do Turismo, contando com uma contrapartida do Município”, explica o secretário de Obras Públicas, Vanderlúcio Rodrigues.

O projeto é conhecido como Orla do Porto II e foi elaborado pelo Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Urbano (IPDU), abrangendo a execução de uma série de atividades. A ideia é transforma o local em um novo ambiente de integração social, aproveitando-se da valorosa localização do espaço. Aliado a isso, a obra visa o fortalecimento do convívio da população com o Rio Cuiabá, considerado o maior patrimônio ambiental da cidade.

Ao longo de mais de 600 metros de extensão serão executados os trabalhos de implantação de calçadões para caminhada e contemplação, ciclovia, iluminação, arborização e adequação de acessibilidade. Além disso, o espaço contará com esculturas de personalidades regionais, área coberta por lonas tensionadas destinadas a feiras locais, espaço com aparelhos para atividades físicas ao ar livre e estacionamento.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana