conecte-se conosco



Cuiabá

Paralamas do Sucesso, Michel Teló e Gino e Geno no réveillon de Cuiabá

Publicado

em

A Cuiabá dos 300 Anos será presenteada com uma linda festa de Réveillon. Valorizando suas raízes, a essência do povo cuiabano, o prefeito Emanuel Pinheiro, junto com a equipe organizadora, preparou uma programação toda especial, para a chegada do ano novo. O circuito da Orla do Porto, durante os três dias de festa – 29, 30 e 31 de dezembro, com entrada gratuita –  receberá quatro shows nacionais, bandas locais, queima de fogos com redução de barulho de 50%, e um mega espetáculo cênico, contando a história da ‘cuiabania’ desde seus primórdios até a atualidade.

Como o prefeito vem frisando, o Réveillon 2018 marca o início da programação das comemorações pelo tricentenário da Capital ‘mais calorosa do Brasil’. “Esse vai ser o Réveillon humanizado da Cuiabá 300 Anos. Toda equipe está focada para presentear as famílias cuiabanas com uma grande festa, cheia de atrações que valorizam nossas raízes, despertando o espírito de um novo ciclo – para a vida de cada um e para a nossa Capital. Convido a todos que venham passar a virada do ano na Orla, com toda segurança e conforto que o cidadão merece e nos ajude a construir esse novo tempo, onde estou lutando para que esta terra calorosa seja um lugar de mais oportunidades, dignidade e muita comunhão”, declarou o Pinheiro.

Para abrilhantar festa, o circuito de shows dos três dias contará com Paralamas do Sucesso, já no dia 29; Michel Teló, subindo ao palco no dia 30, e uma virada de peso no dia 31, com Gino e Geno e o grupo Sambó, misturando vários estilos musicais, como o rock e o pop, fazendo menção a uma das características cuiabanas, que acolhe uma miscigenação cultural. Além dos dois shows nacionais, o dia da virada também traz o espetáculo cênico, composto por show pirotécnico, misturando arte cênica e visual, para desenhar a linha do tempo dos 300 Anos da cidade.

O circuito da Orla abre os portões a partir das 20h, durante os três dias de evento, e se encerra às 2h da manhã, com exceção para o último dia, que será às 3h. E em especial para esta festa, a apresentação das atrações serão feitas por humoristas locais, como Xô Dito, Totó Bodega, Nico e Lau, entre outros.

De acordo com o secretário de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo, a programação foi pensada para acolher, de forma agregadora, todas as classes, humanizando a festa, com um modelo onde todos tenham acesso aos mesmos serviços, sem padronizar ou segregar. Para isso, explica Vuolo, o circuito não terá camarotes Vips, nem exclusividade de marcas para vendas de bebidas.

“Desenhamos uma programação que atenda todas as pessoas, sem exclusividade. Isso é a base da gestão atual, que vem trabalhando por uma cidade dignificada. Isso se estende ao lazer, festividades, por isso o Réveillon dos 300 Anos marcará não só a virado ano, mas também a nova era de Cuiabá, que cada vez mais, se equipará com as melhores cidades do país para se visitar”, observa o secretário.

Segurança –  E para que as famílias curtam a virada de forma segura, a Prefeitura de Cuiabá montou uma grande força-tarefa, com mais de 40 entidades. Com a ajuda dos parceiros, o circuito da Orla do Porto vai ter um efetivo de mais de 150 policiais militares, trabalhando nos três dias, com o apoio do agentes do Corpo de Bombeiros e brigadistas. Somando-se a isso, a equipe da Secretaria de Ordem Pública fará a parte de fiscalização do entorno. A Secretaria de Saúde e o Samu também estarão concentrados no espaço. E para garantir que as famílias possam levar os filhos menores de idade, a Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano fará toda identificação das crianças e adolescentes, com a equipe do Projeto Proteger.

Toda programação do Réveillon:

29 – Sábado 

20h: Xô Dito e Penélope

20h30:  DJ Clayton sete

21h: Louvor e Aliança

21h40: Ana Rafaela

22h20: Heróis de Brinquedo

23h: Paralamas do Sucesso

00h30: Banda Loop

1h: Banda Terra

30 –  Domingo

20h: Totó Bogeda e Pitu

20h: DJ Vsquinho

21h: Banda Rasqueia e Siriri, Roberto Lucialdo, Pescuma, Henrique e Cláudinho

22h30: Michel Teló

00h00: Scort Som e Lucianinho dos Teclados

31- Segunda-feira

20h: Nico e Lau e Comadre Nhara

20h30:  DJ Japão

21h: Anselmo e Rafael e convidada Liandra Polinski

22h: Gino e Geno

23h35: Programação da Virada

00:00: Show Pirotécnico (espetáculo cênico, contando a história de Cuiabá)

00h30: Sambô

Fonte: Assessoria

Cuiabá

Operação: “ Pente Fino” será de 22 a 26 de fevereiro em Cuiabá e Várzea Grande

Publicado

em

De 22 a 26 de fevereiro a fiscalização do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) realizará a Operação: “Pente Fino” em Cuiabá e Várzea Grande.

A ação tem como alvo as obras civis, postos de combustíveis, comércio de defensivos, industrias, viveiros, laudo de parcelamento de solo em loteamento, Sistema de Tratamento de Água e Esgoto.

Interior do estado- A equipe de fiscalização do Crea-MT também fará  ações de rotina nos  municípios de: Diamantino,  Chapada  dos Guimarães,  Planalto da Serra, Nova  Brasilândia, Jauru , Indiavaí, Figueirópolis  D’ Oeste, Vale de São Domingos, Denise, Nova Olímpia, Barra do Bugres,  Sorriso, Sinop, Vila Bela da Santíssima Trindade, Pontes e Lacerda, Nova Lacerda, Conquista D’Oeste, Nova Xavantina, Campinápolis, Querência, Ribeirão Cascalheira, Bom Jesus do Araguaia, Dom Aquino, Juscimeira, Rondonópolis, Jaciara, Guiratinga, São José do Povo, Tesouro, Novo Santo Antônio, Serra Nova Dourada e nos distritos de Deciolândia  e Ponte de Pedra. Checando cultivos, armazenagem manutenção, secadores, balanças e receituário agronômico.

O gerente de fiscalização do Crea-MT, Jakson Paulo da Conceição explica que nas ações fiscais sempre será averiguada a presença de profissionais registrados no Sistema nos empreendimentos, bem como a verificação dos registros das Anotações de Responsabilidades Técnicas (ART) pelos serviços de Engenharia prestados nesses locais. Serão  verificados ainda, denúncias registradas junto a Ouvidoria do Crea-MT nos municípios fiscalizados.

“ Um dos principais objetivos do Conselho é coibir o exercício ilegal da profissão e garantir que as atividades da engenharia sejam desenvolvidas por profissionais legalmente habilitados.

Esse trabalho visa garantir a segurança da sociedade. Vale ressaltar que a equipe de fiscalização realiza todos os trabalhos em obediência das normas do Ministério da Saúde contra o Coronavírus (COVID-19), no uso de máscara, álcool e distanciamento social”, explanou Jakson.

Cristina Cavaleiro/ Gerência de Relações Públicas, Marketing e Parlamentar (GEMAR)

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana