conecte-se conosco



Polícia

Padrasto estupra menino de 7 anos, dá R$ 2 para comprar doces e mãe faz denúncia

Publicado

em

Um homem de 36 anos foi preso em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, suspeito de estuprar duas crianças, de 5 e 7 anos de idade, dentro da casa da avó delas, no Bairro Parque das Rosas. A prisão ocorreu nesse final de semana, após uma das vítimas relatar para a mãe o abuso sofrido.

Consta no boletim de ocorrência que, no momento da prisão, o suspeito chegou a resistir e lutar com os policiais, mas foi contido e encaminhado para a 1ª Delegacia da Polícia Civil. O Conselho Tutelar foi acionado e acompanha o caso.

A mãe relatou à polícia que deixa os filhos com a avó e o companheiro dela enquanto sai para trabalhar. Durante o final de semana, quando chegou do serviço, foi alertada pelo filho dela de 7 anos de que a avó havia ido para outra cidade e que, na ausência sela, foi estuprado pelo padrasto.

De acordo com a mãe, o menino ainda contou que, após o abuso, o suspeito teria dado R$ 2 a ele para que comprasse doces. A outra criança, de 5 anos, também teria relatado ter sido abusada pelo padrasto em outros dias, segundo a denúncia.

A Polícia Civil vai investigar o caso e o padrasto deverá passar por audiência de custódia.

 

Fonte: G1-MT

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia

Operação conjunta combate poluição sonora e perturbação do sossego alheio

Publicado

em

Fortalecendo a segurança pública na região de Vila Bela da Santíssima Trindade (521 km a oeste de Cuiabá), a Polícia Civil do município e a Polícia Militar deflagraram na madrugada de domingo (22.11) a operação Hypnos, com objetivo de coibir delitos de poluição sonora e perturbação do sossego alheio.

A ação integrada resultou na detenção de dois indivíduos, sendo um deles autuado em flagrante e outro responderá  a Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Dois aparelhos de som também foram apreendidos.

Após várias denúncias sobre a prática de som em volume alto ocorrendo em pontos comerciais na cidade, os policiais civis e militares realizaram o trabalho em conjunto para fiscalizar os estabelecimentos.

Conforme o delegado de Vila Bela da Santíssima Trindade, João Paulo Berté, a ação teve como foco a repressão a contravenção penal de perturbação do sossego alheio (conforme artigo 42 da Lei de Contravenções Penais) e ao crime de poluição sonora (de acordo com artigo 54 da Lei de Crimes Ambientais).

“O intuito é dar continuidade a operação Hypnos para coibir a conduta da perturbação do sossego e poluição sonora, com aplicação das medidas pertinentes em cada caso, visando a responsabilização e conscientização dos infratores e atendendo os reclames da sociedade”, destacou João Paulo Berté.

A operação contou com a participação de 20 policiais civis e militares, além do uso do equipamento decibelímetro utilizado para aferir ruídos e a intensidade de barulhos. O nome Hypnos foi escolhido em referência ao Deus do sono na mitologia grega.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana