conecte-se conosco



Cuiabá

Operação Lei Seca realiza mais 230 testes de alcoolemia no final de semana

Publicado

em

Thalyta Amaral | Sesp-MT

 

Em três dias, a Operação Lei Seca realizou 233 testes de alcoolemia em três municípios, com 25 carteiras de habilitação (CNH) recolhidas, além de 19 Certificados de Registro e Licenciamento de veículo (CRLV) apreendidos e nove pessoas presas. As ações ocorreram em Rondonópolis (218 km de Cuiabá), Jaciara (148 km da Capital) e Cuiabá.

Em Rondonólis, a operação ocorreu na avenida Lions Internacional, no bairro Vila Aurora I, na noite de sexta-feira (24.08), com uma CNH recolhida e três CRLV apreendidos, assim como a realização de 34 testes de alcoolemia. A ação foi realizada pela Polícia Militar, Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), Detran, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Gabinete de Gestão Integrada (GGI).

Na noite de sábado (25.08), a blitz em Jaciara teve início às 19h40 na avenida Antônio Ferreira Sobrinho, no Centro, com atuação do Batalhão de Polícia Militar de Policiamento de Trânsito (BPMTRAN), Deletran, Detran, GGI e Departamento Municipal de Trânsito. Foram 86 testes de alcoolemia realizados, com nove CNHs e duas CRLV recolhidas, além de duas prisões por condução de veículo sob influência de álcool.

A operação em Cuiabá também foi realizada no domingo, com início às 5 horas, na avenida Sebastião Oliveira, próximo à ponte Sérgio Motta. Houve uma prisão por direção perigosa, oito prisões por embriaguez ao volante, 15 CNHs e 14 CRLV recolhidas, 113 testes de alcoolemia e 17 veículos aprendidos, na ação do BPMTRAN, Deletran, Detran, Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), Detran, Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) e GGI.

Penalidades

Quando a quantidade de álcool detectada pelo teste de alcoolemia for abaixo de 0,33 miligrama de álcool por litro de ar expelido, o motorista é autuado, tem CNH apreendida e paga multa de R$ 2.934,70. Caso não haja pessoa habilitada para conduzir, o veículo também fica retido. Para os testes que apresentarem mais que 0,33mg/l, o condutor é preso.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Repórter do Cadeia Neles registra BO contra colega após ameaça

Publicado

em

O repórter Franciel Almeida da TV Vila Real e o colega Giovane Júnior do SBT, se desentenderam durante uma pauta, na noite desta quinta-feira (04).

Profissionais de emissoras renomadas na capital, se desentenderam e um boletim de ocorrência foi registrado.
Franciel acusa Giovane de ameaça, injúria e difamação. Repórter da Vila Real, ele diz ter sido ameaçado e agredido pelo colega de profissão.
Ambos foram conduzidos para Central de Flagrantes após se desentenderem.
A confusão começou quando Giovane, chegou para uma reportagem e não gostou da forma como Franciel olhava e apontava para o veículo da TV.

Em seguida as ameaças verbais e palavrões foram desferidos, tudo foi testemunhado pelo Tenente Marcos de Melo.

 

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana