conecte-se conosco



Cuiabá

Motoristas já podem pagar multas de trânsito com 40% de desconto

Publicado

em

A Prefeitura de Cuiabá aderiu ao Sistema de Notificação Eletrônica (SNE), solução desenvolvida pelo Serpro, empresa de tecnologia da informação do Governo Federal. O sistema, que passou a funcionar em setembro na Capital, foi criado para o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e permite que motoristas possam pagar suas multas com desconto de 40% por aplicativo.

Com a adesão de Cuiabá, determinada pelo prefeito Emanuel Pinheiro, os condutores podem pagar com praticidade, comodidade e economia, as multas emitidas pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob). O SNE possibilita ainda uma comunicação mais eficiente e ágil entre motoristas e órgãos de trânsito, diminuindo consideravelmente o tempo de envio das notificações de infração.

O desconto no valor de multas de trânsito está previsto na Lei nº 13.281, publicada em maio de 2016, que altera o Código de Trânsito Brasileiro e garante a possibilidade do motorista ter o abatimento de 40% em seu pagamento.

COMO OBTER O BENEFÍCIO

Para ter direito ao desconto de 40%, o condutor do veículo, além de fazer o cadastro no SNE, deve reconhecer o cometimento da infração de trânsito. O sistema pode ser acessado pela web ou por aplicativo, que está disponível gratuitamente para download nas lojas virtuais Play Store (Android) e AppStore (iOS).

Após o cadastro, o usuário vai passar a receber todas as notificações de infrações de forma eletrônica, além de poder conhecer detalhes de cada multa, reconhecer a infração, copiar o código de pagamento e, ainda, fazer download do formulário de indicação do condutor responsável pela infração. Também é possível a geração de boleto com código de barras, permitindo ao motorista pagar a multa de trânsito tanto pela internet quanto pelo caixa e terminais de autoatendimento das agências bancárias.

Desde que foi lançado, em novembro de 2016, o Sistema de Notificação Eletrônica, SNE, permitiu que motoristas brasileiros economizassem mais de R$ 107 milhões. Esse é o valor total obtido com os descontos de 40%. Quanto ao número de veículos, são mais de 1,6 milhão em todo o país.

O estado que mais usa a tecnologia é o Distrito Federal, onde o aplicativo estreou em 2016, contando hoje com cerca de 390 mil veículos inscritos. O segundo e terceiro lugares são ocupados por São Paulo e Santa Catarina, com respectivamente 275 mil e 133 mil veículos. Os Detrans que mais deram o desconto de 40% foram os do Distrito Federal, Ceará e Goiás. No Mato Grosso, após a adesão do Detran, o número de veículos

QUEM JÁ ADERIU

Além de Cuiabá, 14 Detrans estaduais já aderiram ao SNE, inclusive o de Mato Grosso. Todas as rodovias federais estão cobertas, já que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) também estão integradas ao sistema. No total, são três órgãos autuadores federais, 18 estaduais e 83 municipais.

Redação

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Secretaria divulga nota técnica sobre testes rápidos para servidores da Segurança e Saúde

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, por meio daa Diretoria Municipal de Vigilância em Saúde,divulga nota técnica e ressalta a importância da atuação dos trabalhadores da saúde e segurança pública, tornando necessário garantir a proteção desses profissionais diante da emergência sanitária que se apresenta, através do monitoramento dos profissionais sintomáticos para COVID-19.

Conforme a nota, para a correta confirmação da COVID-19, existem critérios diagnósticos, com a apresentação clínica de sinais e sintomas considerados pelo médico como compatíveis com a síndrome gripal. Da mesma forma, após notificação é realizada a investigação epidemiológica seguida de diagnóstico laboratorial. Em se tratando de diagnóstico laboratorial, temos:  Os testes moleculares realizados por RT-PCR, válidos nos primeiros dias de sintomas em que são coletadas amostras de mucosas das vias respiratórias (swab naso faríngeo) ou aspirado/lavado bronco alveolar, nos quais a sensibilidade varia de 63% a 93% (aspirado/lavado bronco alveolar); O teste rápido (imunocromatográfico) para COVID-19 que avalia a produção de anticorpos do tipo imunoglobulina M (IgM) e/ou imunoglobulina G (IgG), indicadores de anticorpos que exigem um tempo de infecção mais tardio a partir da exposição ao vírus, para que o organismo consiga produzi-los.

O uso de testes laboratoriais sem a presença de sintomas representa um grande risco ao usuário e ao Sistema Único de Saúde, uma vez que resultados, se realizados sem cumprir os protocolos, podem apontar falsos positivos e falsos negativos em pacientes assintomáticos e sem história epidemiológica de contato, resultando em condutas do paciente contrárias às preconizadas para as práticas de higiene e distanciamento que evitam a contaminação de contatos próximos. DESTA FORMA, OS TESTES LABORATORIAIS SÓ DEVERÃO SER UTILIZADOS EM INDIVÍDUOS SINTOMÁTICOS, OBEDECENDO AO PERÍODO OPORTUNO DE CADA TÉCNICA E HISTÓRIA EPIDEMIOLÓGICA QUE CORROBORAM PARA A DEFINIÇÃO DE CASOS SUSPEITOS, POIS NÃO HÁ NENHUMA EVIDÊNCIA CIENTÍFICA QUE SUSTENTE A TESTAGEM DE PESSOAS SEM SINTOMAS CLÍNICOS.

 

Confira logo abaixo:

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana