conecte-se conosco



Cuiabá

Motorista e passageiro de carro de aplicativo são presos com cocaína e crack

Publicado

em

Policiais da Força Tática prenderam o passageiro J.C.B.M. (18 anos) e o motorista de aplicativo T.M.L. (34) com mais de 30 porções de cocaína e diversas pedras de crack escondidas no interior do veículo, na madrugada desta sexta-feira (18.10), em Cuiabá.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais realizavam um patrulhamento na Avenida Miguel Sutil, quando avistaram dois homens em um carro com películas escuras no vidro.

Ao abordar motorista e passageiro, nada de ilícito foi encontrado, mas na checagem veicular, os policiais encontraram no porta-luvas do automóvel, 33 porções de cocaína e embaixo do tapete do banco do passageiro várias pedras de crack. Uma quantia em dinheiro de R$ 390 em posse do  passageiro também foi apreendida na ação.

O motorista disse aos policiais que buscou o passageiro no Bairro Pedregal e que o deixaria no Bairro Alameda, em Várzea Grande.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Prefeito lamenta falecimento de ex-presidente da Academia Mato-grossense Letras

Publicado

em

O Prefeito Emanuel Pinheiro manifesta seu profundo pesar pelo falecimento da professora Marília Beatriz Figueiredo Leite, 76, nesta sexta-feira (03). A ex-presidente da Academia Mato-grossense de Letras (AML) estava internada há quatro dias em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular para tratamento da COVID-19 e não resistiu.

“Foi com muito pesar que recebi a notícia do falecimento da imortal da AML, professora Marília Beatriz Figueiredo Leite. Cuiabá perde uma grande referência da Cultura, da Arte e da Ciência. Que Deus a receba e conforte os familiares e amigos”, declarou o prefeito de Cuiabá.

Marília Beatriz foi uma das fundadoras da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), da qual era professora aposentada. Era membro da Academia Literária Internacional e da Academia Mato-grossense de Letras desde 2015, instituição que chegou a presidir, ocupando a cadeira número 2, a mesma que seu pai, o desembargador Gervásio Leite, ocupou entre 1974 e 1981. Formada em Direito pela Universidade do Estado da Guanabara (UERJ) e mestre em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo. Advogou no Rio de Janeiro e em Mato Grosso. Desenvolveu trabalhos como escritora, poeta e teatróloga.

 

Assessoria

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana