conecte-se conosco



Variedades

Justiça Comunitária enfrenta o fogo no Pantanal para atender ribeirinhos

Publicado

em

O juiz-coordenador estadual da Justiça Comunitária, José Antônio Bezerra Filho, acompanhado de assessores e voluntários, realizou mais uma ação de atendimento a ribeirinhos de comunidades do município de Poconé (105 Km da Capital), no Pantanal mato-grossense. Nessa viagem, de quinta-feira a sábado, mesmo com os incêndios na região, 70 famílias, de várias localidades, entre as quais Moquem, Porto Cercado e Barra do Limoeiro, receberam a visita da comitiva que levou por água 1.400 quilos de alimentos não perecíveis e de roupas e kits de higiene bucal.
“Fomos recebidos com alegria e muita emoção, justamente porque esses ribeirinhos não esperavam essa ajuda agora, justamente quando enfrentam, além da seca, o perigo do fogo que queima um dos principais ecossistemas naturais do Brasil e do mundo. A situação é muito crítica, triste e desoladora”, assinalou o magistrado. Ele conta que essas populações estão isoladas e passando dificuldades de sobrevivência. Assim, na opinião do juiz-coordenador, “é preciso que a sociedade e as autoridades façam uma reflexão sobre a destruição da flora, fauna e sobre a vida de homens, mulheres e crianças que habitam essa região”.
Na visão dele, mais uma vez o Poder Judiciário fez a diferença e levou doações e também esperança para os moradores ribeirinhos. O magistrado disse que tudo só foi possível porque a Justiça Comunitária tem parceiros sensíveis com situações e causas humanitárias. “Chegar a essas comunidades, mesmo navegando, foi difícil. O fogo pulava de uma margem para outra e a visibilidade estava baixa por conta da fumaça, mas cumprimos nossa missão que foi de ir ao encontro de quem está precisando. E a única coisa que garanto é que a Justiça Comunitária não para e vai continuar atendendo esses cidadãos e cidadãs através da inclusão social, serviços e esclarecimentos, especialmente neste tempo de pandemia”, finalizou.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Variedades

Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio acumulado vai para R$ 60 milhões

Publicado

em

Nenhuma aposta acertou as seis dezenas do concurso 2.303 da Mega-Sena. Com o prêmio principal acumulado, a estimativa da Caixa é que ele pague R$ 60 milhões no sorteio da próxima quarta-feira (30).

A seis dezenas foram sorteadas nesse sábado (26), às 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

As dezenas sorteadas são as seguintes: 03 – 07 – 17 – 20 – 48 – 50.

A quina registrou 145 apostas ganhadoras; cada uma pagará individualmente R$ 28.857,20. A quadra teve 8.431 apostas vencedoras e pagará um prêmio a cada ganhador de R$ 708,99

As apostas para o concurso 2.304 podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. O volante, com sei dezenas marcadas, custa R$ 4,50.

Edição: Aécio Amado

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana