conecte-se conosco



Polícia

Juíza revoga prisão e manda soltar o estelionatário Marcelo Vip

Publicado

em

A juíza Suzana Guimarães, da 6ª Vara Criminal de Cuiabá, concedeu liberdade ao estelionatário Marcelo Nascimento da Rocha, conhecido como “Marcelo Vip”. Ele deve ser solto nesta segunda-feira (8) após pedido dos advogados Fabian Feguri e Neyman Monteiro.

 

Marcelo Vip voltou a ser preso no dia 31 de agosto, em Cuiabá, durante a 2ª fase da Operação Regressus, que apura crimes contra fraudes em progressão de regime.

 

O réu já havia sido detido na 1ª fase da operação. Condenado a 34 anos e 5 meses de prisão, ele estava em regime semiaberto.

 

Na 2ª fase da Regressus, além do empresário, também foi expedido mandado contra o traficante e homicida Márcio Batista da Silva, o Dinho Porquinho, que já estava na Penitenciária Central do Estado (PCE).

 

Ambos foram indiciados por falsidade ideológica, fraude processual e associação criminosa.

 

Conforme a Polícia Civil, os acusados agiam de modo a conseguir benefícios no regime de cumprimento de pena perante a Vara de Execuções Penais de Cuiabá.

 

As investigações apontam que eles teriam se articulado para criar mecanismos e fazer incidir em erro o Juízo, mediante apresentação de documentação ideologicamente falsa.

 

A operação contou com apoio do Tribunal de Justiça, do Ministério Público, da Subsecretaria de Inteligência do Estado do Rio de Janeiro e a Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh).

Por Gazeta

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia

PM detém suspeito de tentativa de homicídio e apreende espingarda usada no crime

Publicado

em

Policiais militares do Núcleo de Santa Cruz do Xingu (a 1.230 km de Cuiabá) prenderam no domingo (22.11), um homem por tentativa de homicídio. Na segunda-feira (23), os agentes localizaram a arma usada no crime.

As diligências iniciaram depois que a vítima, um homem, deu entrada no hospital da cidade atingido por um disparo de arma de fogo. Consciente, ele apontou o autor. Contou que tudo aconteceu depois de um desentendimento, mas antes ambos consumiam bebida alcoólica.

Horas depois o denunciado foi encontrado e detido. Questionado onde teria deixado a arma usada no crime, respondeu que tinha usado uma faca, mas deixou no local.

Os policiais continuavam a procura quando foram informados que a carabina calibre 22 com as munições estariam em uma propriedade próxima de onde o fato ocorreu, debaixo de uma cama. No local, a informação foi confirmada.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana