conecte-se conosco



Várzea Grande

Jayme reafirma compromisso com as com as mulheres e garante Cândida Farias no mandato

Publicado

em

Reforçar a participação da mulher nas discussões e definições das políticas públicas levaram o candidato ao Senado, Jayme Campos, sob o comando da esposa Lucimar Sacre de Campos a reunir cerca de 300 apoiadoras que irão trabalhar na discussão e apresentação de propostas viáveis que contemplem o acesso destas pessoas a capacitação, ao mercado de trabalho e principalmente as políticas de apoio social.

“É de autoria de Jayme Campos enquanto senador da República, a criação do FNAMA – Fundo Nacional de Apoio a Mulheres Agredidas, que assegura renda e a capacitação daquelas que foram agredidas e que aguarda aprovação da Câmara dos Deputados, por isso é importante o seu retorno visando tornar políticas como está efetivas e que atendam não só as mulheres, pois estes recursos resguardam também a sua família, sejam filhos ou parentes”, lembrou Lucimar Sacre de Campos.

O candidato ao Senado pela Coligação Prá Mudar Mato Grosso, assinalou que vai trabalhar para tornar o FNAMA uma realidade e inserir o mesmo na esfera Estadual através do futuro governador Mauro Mendes, definindo assim políticas de apoio e de resultados, transformando em prática a teoria.

“Fico muito preocupado com o alarmante índice de violência e criminalidade contra as mulheres. Temos que mudar essa realidade e compreender as mulheres como elementos essenciais na execução das políticas públicas”, disse Jayme Campos apontando que tem Cândida Farias como sua suplente na chapa que disputa uma das duas vagas de Senado da República.

Jayme Campos aproveitou para fazer um compromisso públicos com suas apoiadoras para que elas buscassem mais apoiadoras com a convicção de que as mulheres irão participar efetivamente do seu mandado, tanto oferecendo proposta como sendo representadas por Cândida Farias que irá assumir parte do mandato em respeito a todas as mulheres.

“Não só queremos, como precisamos avançar nas políticas de apoio as mulheres, então podem ter a certeza de que estamos desde já trabalhando para que elas sejam contempladas”, disse o candidato.

Lucimar Sacre de Campos lembrou que sempre acompanhou o esposo durante seus mandatos como prefeito, governador e senador e colocou em prática políticas públicas que contemplassem as mulheres e suas famílias.

“Sempre mantivemos programas sociais de capacitação, de interação e integração da mulher no seio social de forma que as mesma participassem diretamente das  políticas públicas e usufruíssem das obrigações que o Estado como Poder Público é obrigado a ofertar para todos, homens, mulheres, crianças, jovens, idosos, enfim para todos. Hoje o empoderamento da mulher é um significativo avanço, por isso temos que participar mais, ocupar nossos espaço e demonstrar que temos muito o que contribuir”, disse Lucimar Campos que é a segunda prefeita na história de Várzea Grande, a segunda maior cidade de Mato Grosso.

 

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Várzea Grande

Liminar estabelece prazo para regularização de cemitérios em VG

Publicado

em

A Justiça acolheu pedido liminar efetuado pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso e estabeleceu o prazo de 180 dias para regularização das atividades desenvolvidas em cinco cemitérios localizados em Várzea Grande. A obrigação deverá ser cumprida pelo Município, em relação aos cemitérios São Francisco, Capela do Piçarrão, Recanto da Saudade e Costa Verde, e pela empresa Betânia Empreendimentos Imobiliários Ltda, mantenedora do cemitério Recanto da Paz.

De acordo com a decisão, os requeridos deverão obter junto ao órgão ambiental competente as licenças ambientais dos cemitérios. Terão ainda que apresentar análises das águas subterrâneas para verificar a ocorrência de contaminação, devendo as amostras serem coletadas a montante e a jusante do fluxo de escoamento preferencial da superfície freática, além de elaborar e implementar programa de monitoramento do lençol freático.

A comprovação do cumprimento integral das determinações fixadas na decisão deverá ocorrer no prazo de 180 dias, sob pena de pagamento de multa diária no valor de R$ 1 mil. A liminar foi concedida ao Ministério Público Estadual nesta terça-feira (01), pelo juiz Rodrigo Roberto Curvo.

Segundo o MPMT, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (CREA) realizou visita preventiva nos cinco cemitérios e constatou várias irregularidades, entre elas, a operação sem as devidas licenças ambientais e a falta de monitoramento do lençol freático.

“É incontroverso que a ausência de licenciamento ambiental dos cemitérios ativos gerenciados pelo tanto pelo Município de Várzea Grande, quanto pela Betânia Empreendimentos Imobiliários Ltda acarretam inúmeros riscos ao meio ambiente. O Município de Várzea Grande é responsável pela tutela do meio ambiente, de modo que não pode se omitir no licenciamento ambiental dos cemitérios públicos”, destacou a promotora de Justiça Maria Fernanda Corrêa da Costa, em um trecho da ação.

 

Da Redação

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana