conecte-se conosco



Eventos

Inscrições para o 1º desafio de inovação e tecnologia já estão abertas; Evento é organizado pelo SPC Brasil e CDL Cuiabá

Publicado

em

CDL Cuiabá

A primeira edição do Hackathon – “Desafio de Inovação” já tem data confirmada para o dia 24 de novembro e as inscrições já estão abertas. O evento é organizado pelo SPC Brasil em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Cuiabá) visando fomentar a inovação e tecnologia nas empresas locais, identificar talentos promissores e promover o desenvolvimento de novos negócios.

“Esse evento é direcionado a toda comunidade local, empresários, estudantes, startups, empreendedores e potenciais empreendedores. Será uma ótima oportunidade para que os participantes possam desenvolver soluções tecnológicas a partir do objetivo proposto”, afirmou o superintendente da CDL Cuiabá, Fábio Granja.

Granja reforça ainda, que “O Desafio de Inovação é um ambiente de criação para que, de forma prática, desenvolvam-se propostas para o aperfeiçoamento dos produtos e serviços oferecidos pelo SPC Brasil e pela CDL Cuiabá com o objetivo de desenvolver protótipos de modelos de negócio e/ou aplicações tecnológicas para soluções já existentes”.

Para essa primeira edição, o tema proposto é promover a confiança na relação entre as pessoas para que elas realizem seus objetivos, desde os mais simples do dia a dia até a realização de grandes sonhos.

De acordo com informações da organização, a inscrição para o evento poderá ser feita em grupo de 3 a 5 integrantes ou individualmente, porém os participantes que se inscreverem individualmente serão inseridos em grupos no dia do evento. E ainda, serão premiadas as 3 melhores equipes (projetos) e a equipe vencedora poderá fazer parte do programa de pré-aceleração do SPC Brasil que, dentre os benefícios, prevê um patrocínio financeiro, mentoria, incubação do projeto e todo o suporte necessário para que o projeto possa ser validado junto ao mercado.

Os interessados devem acessar o site desafio.spcbrasil.com.br para se inscrever e ter acesso ao regulamento.

Confira abaixo a programação do evento que será realizado nas dependências da CDL Cuiabá.

Programação: 

08h00 Credenciamento e Welcome Coffee

08h30 Abertura e Boas Vindas aos participantes

09h00 Alocação dos inscritos individuais em equipes

09h45 Coffee Break

10h00 Início das sessões de Hack

10h15 Sala Paralela – Palestra Cenário Econômico 2018 (Marcela Kawauti – Economista SPC Brasil)

12h30 Almoço

13h30 Keep Hacking – Mentoria para os Projetos

15h00 Sala Paralela – Palestra – Educação Financeira para Startup´s (Marcela Kawauti – Economista SPC Brasil)

16h00 Coffee Break

16h20 Keep Hacking – Mentoria para os Projetos

17h00 Fechamento dos Projetos para apresentação

19h00 Apresentação dos projetos para a banca de avaliação

20h00 Encerramento

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Eventos

Parque Mãe Bonifácia é reaberto com blitz educativa e fiscalização reforçada

Publicado

em

O Parque Estadual Mãe Bonifácia foi reaberto nesse sábado (28.11) após ficar por quase 30 dias fechado devido a morte de 16 macacos. Hoje pela manhã a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) realizou uma blitz educativa orientando os usuários sobre a proibição de alimentar os animais no local.  A Sema trabalha em parceria com o Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental (BPMPA) que reforça a fiscalização na Unidade de Conservação.

O Mãe Bonifácia estará aberto entre às 06h e 17h com os protocolos de segurança mantidos, com regras para distanciamento social e uso de máscara. Ele permaneceu fechado para varreduras sanitárias e isolamento dos saguis desde o dia 30 de outubro. A orientação da Sema é que se evite entrar com qualquer tipo de alimento e que o usuário não deixe resíduos nas Unidades de Conservação.

As campanhas educacionais realizadas pela Superintendência de Educação Ambiental da Sema reforçam que os animais silvestres dos parques estaduais não devem ser alimentados por conta própria. A alimentação inadequada é prejudicial aos bichos e traz riscos à população, gera desequilíbrio na cadeia alimentar e é proibido por lei. Os servidores espalharam cartazes informativos em pontos estratégicos do Mãe Bonifácia.

Os saguis encontram no parque todos os alimentos que precisam, como insetos, brotos de flor, frutas silvestres e seiva, este último uma alternativa importante no período da seca. Os animais que vivem ali são monitoradores por servidores que trabalham no local e só devem ser alimentados em necessidade extrema e comprovada, sempre por profissionais especializados.

Herpes Simplex causou as mortes

Uma infecção por Herpes Simplex foi a causa da morte dos saguis no Parque Mãe Bonifácia, comprovada por exames da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e Universidade de Brasília (UNB). O vírus é passado do homem para o macaco por meio de alimentos contaminados ou pelo contato direto. O humano pode transmitir a doença mesmo sem estar com manifestação clínica aparente.

Apesar da Herpes Simplex quase sempre causar sintomas brandos em humanos, é fatal para os macacos desenvolvendo um quadro severo inflamatório que pode afetar diversos órgãos, podendo causar lesão de pele e nas mucosas e atingir pulmão, coração, fígado e sistema nervoso central. A principal manifestação é neurológica.

Depois que um macaco do grupo é contaminado a tendência é que ele espalhe entre os agregados e a doença, por ser altamente fatal, pode fazer com que todos os membros de um bando morram. Com a possibilidade, inclusive, de contaminar outros grupos de primatas.

 

Da redação

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana