conecte-se conosco



Cultura

Expedição Internacional chega à Cáceres nesta 3ª

Publicado

em

O município de Cáceres (215 km de Cuiabá) é o ponto de parada da Expedição Internacional “Redescobrindo a América do Sul” (“Ascending South America”), que está percorrendo 6.500 quilômetros do continente. Nesta terça-feira (09.10) a equipe que compõem a expedição fará uma apresentação dos trabalhos que vêm sendo realizados ao longo do percurso. São 15 pessoas entre cientistas, passageiros e jornalistas.

O evento será na Praça de Eventos da Sematur com apresentação cultural e a presença confirmada de estudantes da rede pública municipal, que participarão de uma entrevista com os membros da equipe que vão relatar, entre outros, os impactos da mudança no clima nas comunidades ondem moram. A entrevista terá transmissão via satélite para outros países.

A Expedição “Redescobrindo América do Sul” conta com o apoio do Instituto Sustentar, realizador do Projeto Bichos do Pantanal, que é patrocinado pela Petrobrás por meio do Programa Petrobrás Sustentável.

O itinerário teve início no Rio de la Plata, em Buenos Aires, e continuou pelo Rio Paraná até a junção ao Rio Paraguai. A equipe ficará três dias em Cáceres antes de seguir novamente com destino a Manaus (AM), onde será finalizada. Em Cáceres, a equipe completará 3.400 quilômetros. De lá, os barcos serão transportados pela estrada até o Rio Guaporé, no município de Vila Bela da Santíssima.

PROJETO BICHOS DO PANTANAL

O Projeto Bichos do Pantanal é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, e realizado pelo Instituto Sustentar de Responsabilidade Socioambiental.  O Projeto Bichos do Pantanal atua desde agosto de 2013 em Mato Grosso, com foco em três pilares de ação: a conservação da biodiversidade, a educação ambiental e a geração de renda para a comunidade local.

Atendimento à Imprensa

Assessoria de imprensa do Projeto Bichos do Pantanal

Jornalista responsável: Karol Garcia – (66) 99981 5158 | (65) 2127 6650

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cultura

Dupla sertaneja lança novo sucesso em Cuiabá

Publicado

em

Chegou em todas as plataformas digitais o novo lançamento da dupla Afonso e Gabriel, chamado “14/90 (Quatorze por Noventa)”. Um single sertanejo com videoclipe, disponível desde a última sexta-feira (20.11), que retrata como as emoções são capazes de alterar os sinais vitais de pessoas apaixonadas.

O single estava pronto desde fevereiro deste ano, mas devido a pandemia do COVID-19 e o momento de grande tristeza pelas perdas das vítimas do novo coronavírus, a dupla preferiu esperar. E agora, com o país se adaptando a esse novo normal e as pessoas retomando a vida social, sempre com todos os cuidados, decidiram que já era hora de lançar a música.

“Postamos uma variedade de conteúdos diversificados como a revelação da data de estreia, que contou nada mais, nada menos, com um chá revelação, parodiando o evento feito por pais para revelar o sexo do bebê. Também trouxemos um tipo de pesquisa popular para saber se as pessoas ainda acreditam que um relacionamento a distância, tema que a música aborda, ainda pode dar certo nos dias de hoje”, contaram Afonso e Gabriel.

Um vídeo que rendeu muitos comentários foi a história verídica do casal cuiabano João e Maria, já conhecidos em nossa capital por aparecerem em meados de 2017 em algumas notícias vendendo doces para pagar o casamento. Porém, desta vez a dupla trouxe uma outra perspectiva do casal, que poucos sabem, mas durante alguns anos mantiveram um relacionamento a distância. “João, corpo de uma igreja focada em missões, foi a trabalho missionário a São Paulo, onde morou por dois anos, e na época se correspondia com Maria através de e-mails e cartas. O vídeo traz a sensação da saudade e toda a emoção do reencontro, reafirmando ainda mais a temática da música”, revelam.

O nome da música 14/90 deixou uma interrogação na cabeça dos fãs sobre seu significado. A dupla explica que 14/9 é o primeiro grau de hipertensão arterial. “E foi comprovado que as emoções, como a saudade e o amor, são capazes de alterar os sinais vitais de uma pessoa como o caso retratado na música, sendo 14/90 uma licença poética da pressão 14/9, pontuaram.

Agora com a música no ar a dupla tem trabalhado a divulgação em suas redes sociais, aparecendo em diversos programas de TV do nosso estado e também veiculando através de rádios.

Foto: Acervo


Ana Sampaio

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana