conecte-se conosco



Cuiabá

Eventos religiosos são incluídos no Calendário Oficial de Cuiabá

Publicado

em

O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) sancionou as leis nº 6.326 e nº 6.327, de autoria do vereador Marcelo Bussiki (PSB), para incluir eventos religiosos no Calendário Oficial do Município de Cuiabá. As leis estão publicação no Diário Oficial.

Ficam incluídos no Calendário a Conferência Arena Jovem, promovido pela igreja Sara Nossa Terra, e o Confra-Jovem, realizado pela Igreja Nova Dimensão.

A Conferência Arena Jovem ocorre em todo o Estado durante o período de carnaval, desde 2003.  Já o Confra-Jovem acontece na semana do feriado de Finados, desde 2014.  Ambos os eventos reúnem centenas de jovens que abrem mão da rotina de festas ou folgas para ter dias especiais, consagrados a Deus.

Para o vereador Marcelo Bussiki, os eventos são oportunidades que os jovens têm, de se reunirem  para orar e renovar a fé através das pregações, apresentação de bandas, workshops, transmissão de filmes evangelísticos e outras atividades.

“São eventos idealizados para que jovens possam ter opções voltadas para os princípios cristãos e se aproximem mais da Palavra de Deus. Ano após ano esses eventos reúnem mais jovens e mostram que é possível termos um ambiente de harmonia, alegria e diversão, por meio da fé”, disse.

Com a inclusão no Calendário Oficial do Município, os eventos têm direito a receber apoio do Executivo para sua execução.  “É importante que os eventos sejam incluídos no calendário em razão de sua importância econômica e social. Esses eventos reúnem milhares de pessoas e aquecem a economia do município, além de fomentar o turismo religioso em nossa cidade”, afirmou.

Fonte: Assessoria

Cuiabá

Pinheiro suspende aumento na tarifa de água e esgoto e proíbe corte no abastecimento

Publicado

em

O prefeito Emanuel Pinheiro assinou nesta sexta-feira (22) o Decreto nº 8.313 suspendendo, pelo prazo de 90 dias, o reajuste anual das tarifas de água e esgoto em Cuiabá, referente ao exercício 2021/2022. A medida também foi adotada pelo chefe do Executivo municipal em 2020, em decorrência dos impactos financeiros ocasionados pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Além disso, pelo mesmo período, a concessionária Águas Cuiabá continua proibida de realizar o corte no abastecimento de água para consumidores inadimplentes, mesmo daqueles que já receberam o aviso prévio do procedimento.

O documento deve circular na edição da Gazeta Municipal da próxima segunda-feira (25) e entra em vigor a partir de sua publicação, com efeitos retroativos a 1º de janeiro de 2021. No decreto, o prefeito justifica que a adoção das medidas leva em consideração o cenário de pandemia do novo coronavírus (Covd-19) ainda enfrentado na Capital, no qual o fornecimento de água é considerado primordial para a higienização e combate ao contágio do vírus.

Em caso de descumprimento, a concessionária tem o prazo de 24 horas para reestabelecer o fornecimento de água ao consumidor inadimplente. Caberá a Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec) realizar os estudos necessários para a recomposição do equilíbrio econômico-financeiro do contrato, caso se mostre necessário e mediante pedido fundamentado da Concessionária.

O ato tem como base legal as leis nº 9.987/95 e nº 11.445/07, que autorizam a adoção de medidas pelo Poder Concedente que repactuem condições do contrato de concessão, a bem do interesse público. “Desde março de 2020 estamos suspensão do reajuste e também a proibição do corte. A água é um bem essência nesse momento e vamos continuar adotando essas medidas enquanto for necessário”, pontua o prefeito.

Da Redação

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana