conecte-se conosco



Cultura

Cuiabá e Livramento recebem nesta semana, a estreia do documentário Giramundá – o Congo e a Diáspora

Publicado

em

No município de Nossa Senhora do Livramento (a 40 km de Cuiabá), a comunidade negra rural realiza a Dança do Congo. Este teatro-ritual representa a guerra entre dois reinos (Congo e Angola) e tem como centro da disputa uma questão territorial. A base desta expressão artística que reúne cenografia, coreografia, drama e música, é a devoção a São Benedito e tradicionalmente é dançada no mês de abril.

Para mostrar a importância dessa manifestação histórica para o Brasil, o Núcleo de Produção Digital (UFMT Araguaia) e o Projeto Cangoma produziram o documentário Giramundá – o Congo e a Diáspora. Em Cuiabá o filme será exibido nesta quinta-feira (23.08) às 19h no Centro Cultural da UFMT e no município de Nossa Senhora de Livramento, a projeção será no sábado (25) às 19h na casa de São Benedito.

Financiado pelo prêmio Tradições MT/2017, da Secretária de Estado de Cultura de Mato Grosso, o projeto surgiu a partir de uma parceria entre o Núcleo de Produção Digital (UFMT Araguaia) e o Projeto Cangoma. Com pesquisa de Herman Oliveira, o documentário tem a direção dos realizadores Claudio Dias e Gilson Costta.

Atualmente, alguns moradores de Cuiabá, Várzea Grande e Livramento, todos com origem no Quilombo de Mata Cavalo, se reúnem na festa de São Benedito em Livramento para encenar a Dança do Congo como uma forma de contar sua história e fortalecer a identidade quilombola em um ritual sagrado de resistência cultural.

O rei perpétuo do Congo, Cesário Sarate, foi importante figura para divulgar a manifestação cultural, realizando diversas atividades filantrópicas na casa de São Benedito, até falecer em novembro de 2014.

INFORMAÇÕES

 

Lançamento do filme: Giramundá – o Congo e a Diáspora.

Data: 23/08/2018

Horário: 19h

Local: Centro Cultural da UFMT

Data: 25/08/2018

Local: Casa de São Benedito – Município de Livramento

Horário: 19h

 Informações Técnicas

Gênero: Documentário

Duração: 52 minutos

Ano: 2018

Direção: Claudio Dias/ Gilson Costta

Pesquisa: Herman Oliveira

Realização: NPD/UFMT Araguaia e Projeto Cangoma

Sinopse:

Moradores de Cuiabá, Várzea Grande e Nossa Senhora Livramento. Todos com uma só origem: o Complexo Quilombola de Mata Cavalo. Desterritorializados, eles se reúnem todo ano na festa de São Benedito, em Livramento, para encenar a Dança do Congo como uma forma de contar sua história e fortalecer a identidade quilombola em um ritual sagrado e de resistência cultural.

Teaser: https://www.youtube.com/watch?v=UEV0WLCPw_w&feature=youtu.be

Descrição das fotos:

Foto 01:

 Direita Tote, o rei do Congo e a esquerda Eduardo de Araujo, o rei monarca.

Foto 02:

Dançantes do congo em frente à casa de São Benedito

Foto 03:

Dançantes do Congo nas ruas de Livramento

Foto 04:

A esquerda está dona Xanda, rainha do congo.

 

Créditos: fotos 01,02 e 04: Assessoria do NPD

Foto 03: Ahmad Jarrad

 

Fonte: Assessoria

Clique para comentar
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Cultura

Livro infantil explica sobre a importância da vacinação

Publicado

em

por UFMT

 

 

Pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) elaboram livro infantil que explica sobre os aspectos e a importância das vacinas, desde a relação com o sistema imunológico humano até o processo de desenvolvimento e testes. A obra, em formato de e-book, integra a série Pequenos Cientistas, cujo objetivo é produzir conteúdo científico de forma simples, objetiva e acessível ao público infantil.

O conteúdo apresenta conceitos técnicos sobre como funcionam as vacinas, de que forma são produzidas e a segurança da vacinação. O livro foi desenvolvido por docentes com atuação na área de imunologia, responsáveis diretos pela compilação dos dados científicos.

“Neste material a proposta foi apresentar às crianças o que está por trás dessas picadas que eles tanto temem e porque, cientificamente, elas precisam se vacinar. Além disso, compreender que a vacina, como um elemento de saúde pública, faz parte de uma conscientização de convivência social de grande relevância para evitar ou amenizar episódios como o que estamos vivendo com a Covid-19”, explica uma das autoras da obra e professora do Instituto de Ciências da Saúde do Câmpus de Sinop, Gisele Facholi.

A obra foi desenvolvida pelo programa de extensão MT Ciência, que visa popularizar o conhecimento científico por meio de diversas áreas e ações. Para a vice-coordenadora do projeto e também autora, professora Roberta Martins Nogueira, o livro é uma produção que vai além da alfabetização científica das crianças, atuando também como uma importante ferramenta de transformação social. “As vacinas são ferramentas científicas de grande relevância em uma sociedade, mas mesmo assim ainda vivemos ondas antivacina em lugares do mundo, oriundas da desinformação. Então, nosso papel como instituição de ensino é levar a informação a todos”, ressalta.

O projeto já desenvolveu mais de dez livros abordando conteúdos científicos de forma lúdica e objetiva, adaptando a linguagem para o público infantil, além de publicações acadêmicas e técnicas. As docentes destacam que produzir conteúdo para crianças é um desafio, mas que o avanço das atividades de extensão tem possibilitado uma experiência única na produção científica. “O texto sempre é construído de forma que permita a uma criança de cinco anos, em processo de alfabetização, compreender perfeitamente o que está sendo apresentado. Durante a produção, temos uma estratégia, em que pedimos a crianças de diferentes idades que leiam o livro e apontem o que não compreenderam. Por fim, a obra passa por uma análise de uma equipe multidisciplinar com atuação em psicopedagogia e letras para fazer ajustes no material”, ressalta a vice-coordenadora do programa.

Também participaram da produção do livro a profissional com atuação na área de imunologia, Janaína Rigotti Kubiszeski e o docente da área da Biologia, Evaldo Martins Pires. O programa já está desenvolvendo um novo material sobre vacinas destinado ao público adulto, que estará disponível em breve.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana