conecte-se conosco



Cultura

Biblioteca Pública Estadual oferece programação para férias de janeiro

Publicado

em

No mês das férias escolares, a Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça presenteia mais uma vez a comunidade com uma colônia de férias gratuita. De 22 a 24 de janeiro, das 13h às 17h, o equipamento cultural administrado pela Secretaria de Estado de Cultura oferece uma programação especial voltada para o público adulto e infantil.
A Colônia de Férias na Biblioteca contará com oficinas interativas de arte e de literatura, jogos literários, contação de histórias e sessão de cinema com exibição de curta-metragem. Neste ano, a novidade é que foi incluído na programação o projeto “Papo com Escritor” – em que autores de livros participarão de conversas informais com os participantes.
Na terça-feira (22), os escritores Michel Borges Pinheiro e Victor Angels conduzem o bate-papo. Michel é autor dos livros “Duzentos Dias” e “Vinte e Poucos Anos”, ambos com histórias que se passam em Cuiabá. Já Victor Angels foi um dos ganhadores do II Prêmio Mato Grosso de Literatura com seu livro infantil “Mundos dos Sonhos – o ferreiro e a cartola”.
Na quarta-feira (23), a conversa será com as escritoras Neide Silva, autora de livros infantis que mergulham no universo da criança e suas relações com o mundo da fantasia, e Eugênia de Castilho, autora do livro de poesias “Meu Gonçaleiro”.
No dia 24, o encerramento do bate-papo fica por conta de Marília Beatriz de Figueiredo Leite e Vinícius Rangel. Autora do livro “O Mágico e o Olho que vê”, dentre outros, a professora Marília Beatriz ocupa um cadeira na Academia Mato-grossense de Letras. Vinícius Rangel é ator, diretor teatral e contador de histórias.
As inscrições podem ser feitas pelo site www.sympla.com.br/culturamt ou pessoalmente na Biblioteca Pública Estadual, que fica no Palácio da Instrução, na Rua Antônio Maria Coellho, 151, Centro de Cuiabá.
As vagas são limitadas a 100 pessoas por dia e os menores de sete anos deverão participar das atividades acompanhados pelos pais ou responsáveis.
Serviço:
O que: Colônia de Férias na Biblioteca
Quando: 22 a 24 de janeiro/2019, das 13h às 17h
Onde: Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça
Contato: (65) 3613-9230/9240

Cultura

Livro infantil explica sobre a importância da vacinação

Publicado

em

por UFMT

 

 

Pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) elaboram livro infantil que explica sobre os aspectos e a importância das vacinas, desde a relação com o sistema imunológico humano até o processo de desenvolvimento e testes. A obra, em formato de e-book, integra a série Pequenos Cientistas, cujo objetivo é produzir conteúdo científico de forma simples, objetiva e acessível ao público infantil.

O conteúdo apresenta conceitos técnicos sobre como funcionam as vacinas, de que forma são produzidas e a segurança da vacinação. O livro foi desenvolvido por docentes com atuação na área de imunologia, responsáveis diretos pela compilação dos dados científicos.

“Neste material a proposta foi apresentar às crianças o que está por trás dessas picadas que eles tanto temem e porque, cientificamente, elas precisam se vacinar. Além disso, compreender que a vacina, como um elemento de saúde pública, faz parte de uma conscientização de convivência social de grande relevância para evitar ou amenizar episódios como o que estamos vivendo com a Covid-19”, explica uma das autoras da obra e professora do Instituto de Ciências da Saúde do Câmpus de Sinop, Gisele Facholi.

A obra foi desenvolvida pelo programa de extensão MT Ciência, que visa popularizar o conhecimento científico por meio de diversas áreas e ações. Para a vice-coordenadora do projeto e também autora, professora Roberta Martins Nogueira, o livro é uma produção que vai além da alfabetização científica das crianças, atuando também como uma importante ferramenta de transformação social. “As vacinas são ferramentas científicas de grande relevância em uma sociedade, mas mesmo assim ainda vivemos ondas antivacina em lugares do mundo, oriundas da desinformação. Então, nosso papel como instituição de ensino é levar a informação a todos”, ressalta.

O projeto já desenvolveu mais de dez livros abordando conteúdos científicos de forma lúdica e objetiva, adaptando a linguagem para o público infantil, além de publicações acadêmicas e técnicas. As docentes destacam que produzir conteúdo para crianças é um desafio, mas que o avanço das atividades de extensão tem possibilitado uma experiência única na produção científica. “O texto sempre é construído de forma que permita a uma criança de cinco anos, em processo de alfabetização, compreender perfeitamente o que está sendo apresentado. Durante a produção, temos uma estratégia, em que pedimos a crianças de diferentes idades que leiam o livro e apontem o que não compreenderam. Por fim, a obra passa por uma análise de uma equipe multidisciplinar com atuação em psicopedagogia e letras para fazer ajustes no material”, ressalta a vice-coordenadora do programa.

Também participaram da produção do livro a profissional com atuação na área de imunologia, Janaína Rigotti Kubiszeski e o docente da área da Biologia, Evaldo Martins Pires. O programa já está desenvolvendo um novo material sobre vacinas destinado ao público adulto, que estará disponível em breve.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana