conecte-se conosco



Cultura

Beethoven, Tchaikovsky, Edvard Grieg e Arturo Márquez compõem repertório de orquestra

Publicado

em

O Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros recebe, nesta quarta-feira (15), às 20 horas, a Orquestra Sinfônica Jovem de Campo Verde, com repertório baseado nas obras de Ludwig van Beethoven, Piotr Tchaikovsky, Edvard Grieg e Arturo Márquez. O espetáculo será por ingresso social: um quilo de alimento não perecível, a ser entregue direto na entrada do evento.

A Orquestra Sinfônica Jovem de Campo Verde compõe o ‘Instituto Ciranda – Música e Cidadania’ e tal polo comemora cinco anos de atividades, no ano em que a entidade-mãe celebra 15 anos. A regência do espetáculo fica a cargo do maestro André Tavares.

“Estamos desenvolvendo este repertório desde o mês de março, buscando sempre atingir o melhor nível técnico e artístico. É um repertório realmente desafiador. Um salto importante da temporada passada para agora.  Estamos trabalhando peças originais, sem simplificar partes e refazer arranjos”, adianta o maestro André Tavares.

O polo Campo Verde tem muito que comemorar nesses 5 anos de atividades. Utilizando o método Ciranda de ensino musical, este ano, os músicos de Campo Verde receberam novos instrumentos e muito mais capacitação. “Investimos muito no instrumental e, sobretudo, buscamos investir no recurso humano, proporcionando mais cursos, masterclass e festivais nacionais e internacionais a nossos músicos”, conta.

A diretora do Teatro Zulmira, Daniella Paula Oliveira, aguarda, ansiosamente, o novo espetáculo. “Sempre amei música erudita. E ter a oportunidade de vivenciá-la num projeto tão bonito – de ensino de música a quem precisa, com os grandes compositores do estilo, na nossa casa e com ingresso social – não tem preço. É o real exemplo de como a cultura salva: quem ministra as aulas, quem se apresenta e quem é plateia, assim como eu”, narra, emocionada, e completa: “O Zulmira segue de portas abertas para iniciativas como esta”.

Mais informações, pelo telefone (65) 3027-1239.

 

SERVIÇO
Orquestra Sinfônica Jovem de Campo Verde em concerto comemorativo de 5 anos
Data: 15/08/18 (quarta-feira), às 20h
Local: Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros (Assembleia Legislativa)
Entrada social: 1 kg de alimento não perecível
Informações: 65 3027-1239

*Com informações da assessoria de imprensa do Instituto Ciranda Música e Cidadania

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cultura

Dupla sertaneja lança novo sucesso em Cuiabá

Publicado

em

Chegou em todas as plataformas digitais o novo lançamento da dupla Afonso e Gabriel, chamado “14/90 (Quatorze por Noventa)”. Um single sertanejo com videoclipe, disponível desde a última sexta-feira (20.11), que retrata como as emoções são capazes de alterar os sinais vitais de pessoas apaixonadas.

O single estava pronto desde fevereiro deste ano, mas devido a pandemia do COVID-19 e o momento de grande tristeza pelas perdas das vítimas do novo coronavírus, a dupla preferiu esperar. E agora, com o país se adaptando a esse novo normal e as pessoas retomando a vida social, sempre com todos os cuidados, decidiram que já era hora de lançar a música.

“Postamos uma variedade de conteúdos diversificados como a revelação da data de estreia, que contou nada mais, nada menos, com um chá revelação, parodiando o evento feito por pais para revelar o sexo do bebê. Também trouxemos um tipo de pesquisa popular para saber se as pessoas ainda acreditam que um relacionamento a distância, tema que a música aborda, ainda pode dar certo nos dias de hoje”, contaram Afonso e Gabriel.

Um vídeo que rendeu muitos comentários foi a história verídica do casal cuiabano João e Maria, já conhecidos em nossa capital por aparecerem em meados de 2017 em algumas notícias vendendo doces para pagar o casamento. Porém, desta vez a dupla trouxe uma outra perspectiva do casal, que poucos sabem, mas durante alguns anos mantiveram um relacionamento a distância. “João, corpo de uma igreja focada em missões, foi a trabalho missionário a São Paulo, onde morou por dois anos, e na época se correspondia com Maria através de e-mails e cartas. O vídeo traz a sensação da saudade e toda a emoção do reencontro, reafirmando ainda mais a temática da música”, revelam.

O nome da música 14/90 deixou uma interrogação na cabeça dos fãs sobre seu significado. A dupla explica que 14/9 é o primeiro grau de hipertensão arterial. “E foi comprovado que as emoções, como a saudade e o amor, são capazes de alterar os sinais vitais de uma pessoa como o caso retratado na música, sendo 14/90 uma licença poética da pressão 14/9, pontuaram.

Agora com a música no ar a dupla tem trabalhado a divulgação em suas redes sociais, aparecendo em diversos programas de TV do nosso estado e também veiculando através de rádios.

Foto: Acervo


Ana Sampaio

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana