conecte-se conosco



Variedades

Adolescente de 16 anos morre afogado na Praia

Publicado

em

Foto: Denisson Roma/Globoesporte.com

Um adolescente de 16 anos morreu afogado após mergulhar no mar na praia do Gunga, na Barra de São Miguel, Litoral Sul de Alagoas, na manhã deste domingo (13). Segundo os bombeiros, ele estava na praia com a família, que veio a passeio de Sergipe. A família é do povoado Cruz da Donzela, do município de Malhada dos Bois.

A ocorrência foi registrada por volta das 10h48. Fotos e vídeo feitos pelo jornalista Denisson Roma, do Globoesporte.com, mostram a movimentação das equipes de resgate do Corpo de Bombeiros, que contaram com o auxílio de jangadeiros da região e de um helicóptero.

O corpo do jovem, que não teve o nome divulgado, foi tirado da água pela equipe de Salvamento Aquático. De acordo com o mergulhador cabo Paes, a vítima passou cerca de 40 minutos submersa.

Foram feitas tentativas de reanimação do jovem, inclusive com a aplicação de adrenalina, mas não surtiram efeito.

Os pais do adolescente, principalmente a mãe, ficaram extremamente abalados com o ocorrido.

A movimentação das equipes de resgate chamaram a atenção dos banhistas, que se aglomeraram para acompanhar o salvamento.

Fonte: G1

Variedades

Intermat esclarece o que você deve saber antes de comprar um imóvel rural

Publicado

em

Antes de adquirir um imóvel rural é necessário verificar a legalidade da área para diminuir os riscos de se fazer um mau negócio. O Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat) esclarece medidas básicas a serem tomadas antes de negociar a compra de uma terra.

Conforme o presidente da autarquia, Francisco Serafim, o passo a passo de checagem de informações para se fazer um negócio seguro inclui, principalmente, buscar informações junto ao Cartório e Registro de Imóveis. “Para uma área ser passível de venda é necessário que esteja registrada em conformidade com a legislação, com posse pacífica e exigir o georreferenciamento”, explica o gestor.

Uma dúvida frequente é quanto à possibilidade de desmembramento da área. Mesmo com a titularidade averiguada, o registro legal do imóvel junto ao cartório, antes de comprar é necessário confirmar a legalidade da divisão da área em frações menores.

O desmembramento de um imóvel rural deve sempre obedecer a Fração Mínima de Parcelamento (FMP) fixada para cada município, e que deve obedecer a regra de que o imóvel original permaneça com, ao menos, a área mínima fixada pela Lei Federal nº 5.868/72.

Veja o que você deve saber antes de comprar uma terra:

 

Histórico completo do imóvel – Solicite ao Cartório de Registro de Imóveis uma certidão dominial, ou sucessória completa. O documento serve para mostrar a sequência cronológica e registro de todas as transmissões ocorridas sobre o mesmo terreno, desde o proprietário atual até a origem da titularidade.

Certidão pela internet – A maioria dos cartórios oferece a busca por certidões pela internet, sem a necessidade de se deslocar pessoalmente até o cartório. A busca pode ser feita pela Central Eletrônica de Integração e Informações dos serviços Notariais e Registrais de Mato Grosso (CEI), após cadastro, clicando AQUI.

Comprovação da origem do título – Após ter a certidão em mãos, é preciso conferir se o primeiro registro da área consta um título emitido pelo Poder Público. Comumente aparece Poder Judiciário, Estado, União, Incra e Intermat.

Verifique quem está vendendo a área – Após acessar a certidão, é possível verificar quem é o último dono da área. Certifique-se de que quem está vendendo a área é o atual proprietário do imóvel.

Confirme a localização – É preciso confirmar que a área do título que consta no primeiro registro tem correspondência de localização com a área que você pretende adquirir.

 

 

Da Redação

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana