Botelho estuda plano de mobilidade para Cuiabá superar a vergonha de 2014

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União), tem estudado a questão da mobilidade urbana de Cuiabá e destaca que a vinda da Copa do Mundo Feminina para a capital mato-grossense será uma nova oportunidade para que a cidade supere a vergonha de 2014, com as obras que ficaram inacabadas e mal feitas.

O parlamentar contou que esteve em São Paulo, nessa terça-feira (22), com uma empresa especializada em mobilidade urbana para conhecer um levantamento realizado sobre a área em Cuiabá. A ideia é pensar em um projeto que vise melhorar de forma geral o trânsito na capital, pensando não apenas no transporte público, mas em outras modalidades, como a questão da ciclovia, investimentos em novos aplicativos e também obras que de fato melhorem o fluxo na cidade.

“Ontem estive em uma reunião em São Paulo com uma empresa que fez levantamento sobre mobilidade urbana e estávamos discutindo a questão da infraestrutura em Cuiabá. Estamos estudando e precisa avançar nesta área. Estivemos com a empresa Oficina para pensar em um projeto que visa melhorar a mobilidade de forma geral em Cuiabá, em especial o transporte público, mas também quem se desloca na cidade e até para quem tem interesse em andar de bicicleta”, comentou o parlamentar que retornou de viagem esta semana.

A empresa em questão foi a responsável por auxiliar o governo do Estado na escolha do modal de transporte para a capital e já conhece bem a estrutura da mobilidade na capital, sendo especializada no assunto e uma referência no país, desenvolvendo estudos para várias cidades.

Cuiabá foi selecionada para sediar os jogos da Copa do Mundo Feminina e Botelho destacou a importância do evento e também reforçou que é o momento para que a cidade possa recuperar a imagem que ficou de 2014. “É hora de executar com responsabilidade um projeto sério”, afirmou.

Botelho lembrou que a herança da Copa de 2014 é uma vergonha para Cuiabá, que ficou com obras inacabadas, além de trincheiras mal construídas e algumas que sequer saíram efetivamente do papel. Além disso, essas obras também foram alvos de investigação com delações que apontam para um esquema de corrupção e desvios milionários que envergonharam a população. “Agora é nossa oportunidade de fazer diferente”, finalizou.

3 thoughts on “Botelho estuda plano de mobilidade para Cuiabá superar a vergonha de 2014

  • Joziane De Jesus

    Isso ai prefeito o senhor ta no caminho certo, tem que estudar para melhorar e fazer melhor que este safado do nenel

    Resposta
  • Virgilio Neto

    Botelho é o melhor e mais praparado tem experiencia em gestão

    Resposta
  • Lucas Medeiros

    Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho Botelho ………………………………

    pra cima o senhor é cara meu prefeito, sempre estudando para dar o seu melhor

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *