Drone é utilizado em Cuiabá para mapear trânsito e monitorar trafegabilidade

A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) esclarece que ao contrário do que uma fake news disseminada em Cuiabá, o drone da equipe de agentes de trânsito nunca foi usado para aplicação de multas. A secretária, Luciana Zamproni informa que o drone é uma tecnologia que contribui com o trabalho dos agentes na questão do monitoramento do tráfego e do mapeamento de locais que precisam receber sinalização de trânsito. O uso da tecnologia também contribui com a transparência da gestão pública, já que é por meio do equipamento que é feito o geoprocessamento de imagens para mapeamento de rede esgoto, dados de habitação, imagens de antes de depois das obras realizadas, além de imagens de eventos em geral, por exemplo os voltados para o esporte: Pedal da Semob e corridas de rua.

“O drone  é usado para os serviços citados e não para a aplicação de multas, essa informação é falsa”, explica a secretária ao destacar que a tecnologia é cada vez mais essencial na engenharia de trânsito, especialmente para a avaliação e implementação de sinalização horizontal e vertical. O dispositivo aéreo oferece uma perspectiva única, permitindo avaliar rapidamente as condições das vias, identificar áreas de congestionamento, verificar a adequação da sinalização e realizar inspeções detalhadas, tudo isso de forma eficiente e econômica.

“Ao contrário das fake news que vez ou outra são disseminadas indiscriminadamente, o uso de drones na engenharia de tráfego proporciona uma abordagem precisa e confiável para melhorar a segurança viária e a eficiência do tráfego, proporcionando uma perspectiva única, permitindo avaliar rapidamente as condições das vias, identificar áreas de congestionamento, verificar a adequação da sinalização e realizar inspeções detalhadas”, completa.  Zamproni acrescentou que é uma ferramenta eficiente, econômica e necessária.

Dentro dessa perspectiva de melhorias e resolução de conflitos no tráfego de Cuiabá, uma equipe da Semob está trabalhando com sobrevoos de drone nas proximidades da rotatória da Açofer na Avenida do CPA III, localizada na Rua Professora Alice Freira, neta quarta-feira (20).

“Estamos realizando estudo de campo, analisando as condições do tráfego, para posteriormente ver a viabilidade de colocar uma pequena rotatória nesse entroncamento”, conclui Marcos Barbosa Lima. Ele disse que se o cidadão que fez a filmagem e disparou a informação erroneamente, poderia ter falado com ele, pois a equipe da Semob está a disposição para informar e conscientizar a população sobre os assuntos relacionados ao trânsito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *