Em meio a possível nova onda da Covid, prefeitos de MT cancelam carnaval

O aumento significativo de casos de Covid-19 no início deste ano levou a prefeitura de Cáceres a decidir pelo cancelamento do Carnaval popular no município. A medida visa evitar aglomerações e a propagação do vírus, considerando a classificação do município como “risco alto” de incidência da doença, segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado.

Até o momento, Cáceres registrou 339 casos confirmados de Covid-19, no período de 1º de janeiro a 4 de fevereiro. Destes, 71 pessoas já se recuperaram, 266 estão em monitoramento e duas estão internadas. Felizmente, não houve óbitos no município até o momento.

A prefeita Eliene Liberato avalia a possibilidade de permitir a realização de eventos particulares no município durante o Carnaval, mas a decisão final ainda está pendente e deve ser anunciada nos próximos dias.

Além de Cáceres, a cidade de Sorriso também optou por não realizar a festa popular de Carnaval devido ao aumento dos casos de Covid-19. O prefeito Ari Lafin afirmou que, diante do atual cenário, “não se pode arriscar”. Em janeiro, foram confirmados 118 casos de Covid-19 no município, levando o Comitê de Prevenção e Enfrentamento à Covid-19 a ser reativado.

O gestor reconheceu a importância do Carnaval em outras regiões para o turismo e empregos, mas ressaltou que o município não compartilha desse perfil e, por precaução, optou por suspender as festividades carnavalescas. Ambas as cidades reforçam a importância da vacinação, uso de máscaras e a adoção de medidas preventivas para conter a disseminação do vírus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *