Lula quer criar poupança de R$ 1 mil reais para estudantes do ensino médio

Getting your Trinity Audio player ready...

O presidente Lula anunciou durante sua transmissão semanal do “Conversa com o Presidente” que o Governo Federal planeja lançar na próxima semana um programa que oferecerá uma compensação financeira para estudantes de baixa renda que concluírem o Ensino Médio.

Lula ressaltou a importância de resolver o problema da evasão escolar entre jovens de baixa renda, proporcionando um estímulo para completar o ensino médio e entrar no mercado de trabalho.

Ele salientou que muitos estudantes abandonam os estudos para trabalhar, o que pode levar à desilusão e falta de esperança em um futuro melhor para suas famílias. O presidente enfatizou a necessidade de oferecer oportunidades e incentivos para que a juventude permaneça na escola. Essa poupança será um dos estímulos a serem anunciados na próxima semana.

O programa proposto pelo presidente consiste em criar uma poupança para os estudantes, que será disponibilizada ao término do último ano do Ensino Médio. Cada estudante poderá retirar o dinheiro acumulado para usar como desejar, seja para continuar os estudos ou iniciar sua trajetória profissional.

Inicialmente, a proposta visa garantir aproximadamente R$ 1 mil por ano aos estudantes. No entanto, o montante está em fase de avaliação. O programa, uma promessa de campanha de Lula, ganhou impulso com o apoio da atual ministra do Planejamento, Simone Tebet, durante o segundo turno das eleições presidenciais de 2022.

Lula também abordou a preocupação com o desemprego entre os jovens, mencionando casos de graduados pelo ProUni que enfrentam dificuldades para encontrar emprego. A proposta visa oferecer oportunidades de trabalho para a juventude, garantindo que, ao concluir os estudos, possam contar com recursos para investir em suas carreiras.

“Vamos criar uma poupança para que, ao final dos estudos, possam retirar e fazer o que quiserem”. Temos milhares de jovens que se formaram pelo ProUni e que depois não conseguem emprego. Isso é um problema que precisamos resolver. Tenho um neto de 25 anos sem profissão. Precisamos mostrar a essa juventude como vamos criar oportunidades de trabalho para eles”, afirmou Lula.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *