Cidades

Estudante de Psicologia de MT morre em show da Taylor Swift

No dia em que a sensação térmica atingiu 59,3ºC no Rio de Janeiro, aproximadamente 60 mil pessoas se aglomeraram no estádio Milton Santos, o Engenhão, para assistir ao show da cantora Taylor Swift na última sexta-feira. Durante o evento, a estudante de psicologia Ana Clara Benevides Machado, de 23 anos, faleceu após passar mal e desmaiar na plateia.

Conforme relato das amigas de Ana Clara, ela começou a se sentir mal e desmaiou durante a segunda música do show. Amigas a conduziram ao posto médico, sendo posteriormente transferida para o hospital Salgado Filho, onde chegou em parada cardiorrespiratória e veio a óbito após uma hora.

A causa da morte ainda não foi esclarecida, e as autoridades evitaram associar o caso à intensa onda de calor que atinge o Rio de Janeiro. No entanto, diversos presentes no show relataram mal-estar, levando a própria cantora a interromper a apresentação para pedir ajuda. Testemunhas afirmam que a organização do evento limitou o acesso do público a garrafas de água, e a oferta de água dentro do estádio não foi considerada suficiente.

Após o término do show, Taylor Swift publicou uma nota expressando estar com o “coração partido” pela morte da fã.

O prefeito do Rio classificou o falecimento da jovem como “inaceitável” e ordenou a abertura de investigações. Ele anunciou medidas que devem ser implementadas pela produção do show, como antecipação da entrada em 1 hora, ocupação do anel de circulação para retirar o público do sol, novos pontos de distribuição de água, aumento no número de brigadistas e ambulâncias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *