Tigresa Vip diz que ‘humilhação’ no PT a fez desistir da política

Tigresa Vip, também conhecida como Ester Caroline Pessatto, uma figura notória do entretenimento adulto, optou por deixar sua breve incursão na política para trás. Em 2022, ela se filiou ao Partido dos Trabalhadores (PT) em busca de um papel nas eleições, mas o partido acabou cancelando sua filiação, alegando irregularidades no processo sendo humilhada pelo “partido da inclusão”.

Apesar de ter tentado manter sua posição no PT através de uma batalha judicial, Tigresa acabou desistindo. Um áudio vazado da ex-deputada federal Rosa Neide alegou que sua filiação estava prejudicando a imagem do partido, tornando-o uma “chacota nacional”.

No entanto, o reconhecimento de Tigresa não desapareceu. Em outubro de 2023, o site UOL a classificou como uma das 10 atrizes de filmes adultos mais populares do Brasil, especialmente no cenário internacional, ao lado de nomes como Elisa Sanches, Lolah Vibe e Dread Hot.

Apesar do sucesso no entretenimento adulto, Tigresa Vip deixou claro que não tem mais interesse na política, citando a experiência humilhante que teve no PT. Ela afirmou que só consideraria um retorno à política se algo extraordinário acontecesse.

Para o futuro, Tigresa planeja focar em sua carreira artística, expandindo seu site pessoal, que oferece uma ampla coleção de conteúdo adulto. Ela se compromete a oferecer um atendimento de qualidade e carinho aos assinantes, continuando a trilhar seu próprio caminho no mundo do entretenimento para adultos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *