Bandidos invadem boca de fumo e disparam contra duas pessoas em MT

Na noite de domingo, uma residência localizada na Rua H, no bairro São José Operário, em Juína, Mato Grosso, foi alvo de uma invasão criminosa que resultou em disparos de arma de fogo e deixou duas pessoas feridas. Segundo informações, a casa funcionava como um ponto de venda de drogas.

Uma testemunha presente no momento do ataque relatou ao Juína News que os suspeitos chegaram ao local em uma motocicleta Honda Bros de cor vermelha e desceram da moto, disparando várias vezes em direção a um grupo de pessoas que se encontrava na casa. Alguns conseguiram fugir dos atiradores.

Policiais Militares da Força Tática responderam à ocorrência. O Sargento PM Joilton, comandante da guarnição, informou que, ao chegar ao local, foram informados de que havia quatro pessoas na residência no momento do ataque. Dois suspeitos chegaram na motocicleta Honda Bros vermelha, invadiram a casa e efetuaram pelo menos 15 disparos de arma de fogo, atingindo duas das pessoas presentes.

Segundo o Sargento, um dos jovens presentes no local declarou que os tiros foram disparados por uma pistola calibre 9mm, conforme as cápsulas deflagradas encontradas no local. A testemunha que conseguiu escapar do ataque alegou que havia ido à residência para consumir drogas. Os suspeitos, aparentemente desconhecidos, sugerem a possibilidade de um conflito entre facções criminosas, já que as vítimas podem ter ligações com uma facção oposta.

Um dos indivíduos que estava na casa, identificado como Valdenir Alves Dos Santos, conhecido como “Bruxo,” havia sido conduzido à delegacia no dia anterior por envolvimento em direção perigosa com uma motocicleta roubada, que também havia sido usada em uma tentativa de homicídio por um suspeito chamado “Ratinho,” no mesmo bairro. O veículo havia sido recuperado pela polícia, e Valdenir havia passado por uma audiência de custódia no dia do incidente. Surpreendentemente, ele sobreviveu ao ataque.

O local do crime foi isolado, e a Polícia Judiciária Civil e peritos técnicos da POLITEC foram acionados para realizar os procedimentos periciais no local.

As vítimas dos disparos foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhadas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *