Detonando

Abílio “torra” R$ 69 mil com aluguel de veículos em 2023

O deputado federal Abilio Brunini (PL-MT) tem chamado a atenção da opinião pública não apenas pelas polêmicas que envolvem sua atuação na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do 8 de Janeiro, mas também por seus gastos com aluguel de veículos, que somam expressivos R$ 12 mil por mês. Os gastos foram detalhados na prestação de contas apresentada à Câmara dos Deputados e têm levantado questionamentos sobre a utilização da verba parlamentar.

Os registros de despesas revelam que o deputado Brunini gastou exatamente R$ 12,7 mil em agosto e setembro deste ano com “locação ou fretamento de veículos automotores”. Os automóveis alugados incluem um Jeep Compass (R$ 5,1 mil), um Chevrolet Tracker (R$ 3,8 mil) e um Toyota Corolla (R$ 3,7 mil), todos locados em empresas de aluguel de carros no Distrito Federal.

Até o mês de setembro (último dado disponível no site da Câmara), o parlamentar havia acumulado um montante de R$ 69,7 mil em gastos com aluguel de veículos, o que equivale a uma média mensal de R$ 7,7 mil.

Esses gastos chamaram a atenção, uma vez que se aproximam do valor despendido pelo senador Jorge Seif (PL-SC), que gasta R$ 8 mil mensais com o aluguel de uma BMW, conforme noticiado pela coluna Guilherme Amado, no Metrópoles.

A justificativa de Abilio Brunini, por meio de sua assessoria, para esses gastos elevados reside no vasto território do estado de Mato Grosso, que possui mais de 141 municípios. De acordo com a assessoria do deputado, embora as locadoras de veículos estejam situadas em Brasília, o parlamentar se desloca com esses carros pelo estado, atendendo às diferentes demandas de suas responsabilidades.

A assessoria de Brunini ressaltou que todos os contratos de locação de veículos “estão dentro dos parâmetros estabelecidos pelos atos da Mesa da Câmara dos Deputados”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *