Professor é acusado de agredir aluno autista com 2 socos em escola de MT

Um professor da Escola Estadual Paulo Freire localizada na Secitec em Sinop foi levado para a delegacia acusado de agredir um aluno autista. De acordo com informações da imprensa local, o educador deu dois socos no rosto do adolescente.

Testemunhas disseram que o menino teria tido uma crise em razão da neurodivergência. Ele se levantou e passou a bater na carteira.

O professor, então, se levantou e segurou o estudante com força pelos braços. O menor conseguir soltar-se e, então, o professor deu os dois socos nele.

A Polícia Militar foi acionada e fez a condução do professor até a delegacia. Já o menor foi encaminhado para receber atendimento médico.

A avó da criança fez o acompanhamento da ocorrência.

O caso será acompanhado pela Polícia Civil e pela Secretaria de Educação de Mato Grosso.

Por J1 Agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *