Polícia

Médico obriga paciente a tocar seu pênis durante exame em MT

Paciente denunciou um médico por importunação sexual, após ele coagi-la a tocar seu pênis ereto, durante uma consulta oftalmológica, em Tangará da Serra (239 km ao médio norte a Cuiabá). Fato foi registrado na quarta-feira (7).

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima foi até a polícia e relatou que esteve na clínica médica para realizar um exame e foi importunada sexualmente.

Conforme a mulher narrou, ela foi atendida pelo médico de Cuiabá, mas que presta serviço para a clínica em Tangará da Serra.

Ao entrar na sala para realizar o exame, o profissional pediu que ela sentasse na cadeira, enquanto ele ficou de pé ao seu lado. Em seguida, o oftalmologista encostou o corpo na paciente, onde segundo ela, sentiu o pênis ereto “roçando” em seus braços.

Durante o exame, o suspeito segurou uma de suas mãos e a direcionou para que pegasse no pênis dele. Assustada, a mulher saiu da sala de exame e seguiu à delegacia.

Polícia Civil esteve na clínica após os fatos narrados pela paciente conduziu o profissional até à delegacia da cidade. Ele foi autuado em flagrante por importunação sexual.

Gazeta Digital

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *