Crea-MT participa de Reunião Ordinária de Câmaras Especializadas de Engenharia Florestal (CEEF)

O Coordenador da Câmara Especializada de Engenharia Florestal do Crea-MT, eng. florestal Cícero Ramos participou da Segunda Reunião Ordinária de Câmaras Especializadas de Engenharia Florestal (CEEF), que ocorreu em São Paulo, nos dias 3, 4 e 5 de maio.

O encontro visou além da comemoração aos 10 anos da CCEEF, debater propostas a favor de melhorias técnicas e práticas no âmbito florestal, para o Conselho e os profissionais.

De acordo com Cícero, sua contribuição possibilitou a discussão sobre os dispositivos da Resolução nº 1.121, de 13 de dezembro de 2019: art. 9º, III; art. 12, parágrafo único; art. 17 e arts. 24 a 33.

“Diz respeito à interrupção e cancelamento do registro e o visto de pessoas jurídicas, as entidades estatais, paraestatais, autárquicas e as de economia mista, quadro técnico, entre outros entendimentos da norma”, explicou Cícero.

Foi discutido também assuntos como: recomendações de ações dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e sobre como aprimorar o sistema operacional do Confea/Crea para otimizar as operações de fiscalização, nota técnica com diretrizes para fiscalização com base em dados a serem disponibilizados pelo IBAMA/MMA, referente ao acordo de Cooperação Técnica com o CONFEA/IBAMA, proposto pela CCEEF.

Outra contribuição do coordenador da CEEF do Crea-MT consistiu em reiterar a necessidade de as entidades estarem promovendo cursos de capacitação para os seus associados, como por exemplo curso de avaliação de imóveis rurais.

Na oportunidade, os eng. florestais: Benedito Carlos de Almeida, Ezio do Prado e Sandro Andriani receberam homenagem do Crea-SP pelos préstimos serviços concedidos durante reunião extraordinária da CEEF em comemoração aos 10 anos da criação da Coordenadoria Nacional. Esses profissionais já estiveram à frente da coordenadoria de Câmara Especializada Nacional.

“Receber essa homenagem da coordenadoria de Câmara Especializadas de Engenharia florestal em SP é uma grande importância, principalmente no âmbito profissional por meio do reconhecimento pela contribuição em prol do crescimento da nossa categoria de engenheiros florestais. E isso motiva ainda mais em continuar a contribuir com nossa classe em buscar cada vez mais nosso direito de exercer com dignidade a profissão, além de colaborar com o desenvolvimento sustentável e ambientalmente correto do nosso estado e do país”, disse o eng. florestal Ezio Ney do Prado, um dos homenageados.

Para o presidente do Crea-MT, eng. civil Juares Samaniego, é importante para o Regional Mato-Grossense o reconhecimento desses profissionais da Engenharia Florestal através de ações desempenhadas por eles em âmbito estadual e federal, além da troca de experiência entre os profissionais da modalidade florestal.

Giovana Giraldelli sob supervisão de Cristina Cavaleiro / Gerência de Relações Públicas, Marketing e Parlamentar (GEMAR) | Fotos: arquivo pessoal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *