Primeira-dama passa por cirurgia para a retirada de útero em SP

Primeira-dama de Mato Grosso, Virginia Mendes, foi submetida uma cirurgia para a remoção do útero no Hospital Albert Einsten, em São Paulo. O procedimento foi realizado nesta terça-feira (16) e já estava previsto meses atrás, porém, com a descoberta de uma cardiopatia congênita, foia adiada. Ela passa bem.

De acordo com a assessoria, o procedimento de histerectomia (remoção do útero) ocorreu por conta de uma endometriose, que é uma modificação no funcionamento normal do organismo em que as células do tecido que reveste o útero, em vez de serem expulsas durante a menstruação, se movimentam no sentido oposto e caem nos ovários ou na cavidade abdominal, onde voltam a multiplicar-se e a sangrar.  

“Agradecemos a Deus pelo sucesso da cirurgia, a doutora Rosa Maria Neme (cirurgiã responsável) e toda sua equipe por toda atenção e carinho com a senhora Virgínia. Assim que tivermos mais informações, atualizamos a todos”, diz o comunicado.

Desde o ano passado, Virgínia Mendes vem passando por uma série de tratamento de saúde, após descobrir um câncer de pele e no pâncreas e passou por cirurgia para a retirada no tumor.  

Já em fevereiro deste ano, ela foi submetida a uma cirurgia para correção de uma cardiopatia no Hospital do Coração, em São Paulo. O procedimento via cateterismo instalou uma prótese. A correção foi bem-sucedida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *