Senador quer entregar comando do PL ao presidente da Câmara de Várzea Grande

O senador Wellington Fagundes, nome consolidado para sucessão do governador, Mauro Mendes (União Brasil), segundo fonte da coluna, deseja fortalecer o Partido Liberal em Várzea Grande, segundo maior colégio eleitoral de Mato Grosso. Ainda segundo a mesma fonte, para viabilizar o crescimento da legenda na “cidade industrial”, Fagundes pretende convidar o presidente da Câmara de Vereadores, Pedro Paulo Tolares, o Pedrinho, atualmente filiado ao União Brasil, para assumir o comando do PL. De acordo com a mesma fonte, Pedrinho teria carta branca para montar o partido com novos filiados e companheiros de chapa proporcional, visando a eleição de 2024. O chefão do Legislativo anunciou durante entrevista à TV Cuiabá que pretende sair do União, partido liderado em VG pelo senador, Jayme Campos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *