“Precisamos resgatar o valor do trabalhador”, diz vice-líder do governo, Emanuelzinho

O vice-líder do governo, Emanuelzinho (MDB-MT), usou as redes sociais para mostrar indignação com os casos de agressões e situações de vulnerabilidade vividos por trabalhadores e que ganharam as redes sociais esta semana. O deputado destacou a necessidade de priorizar a pauta trabalhista, especialmente pós pandemia, nos temas de debate e políticas públicas dos próximos anos.

“O que a gente assistiu essa semana é uma crueldade sem tamanho com quem quem está diariamente ali lutando pelo seu direito de por alimento à mesa, sem falar na crueldade com que profissionais têm sido tratados seja por clientes, seja por empregadores. Pior ainda é que não são casos isolados, está ficando repetitivo”, disse Emanuelzinho. O deputado citou casos como entregadores de aplicativos que foram agredidos por clientes e também, a operação da Polícia Federal no Rio Grande do Sul que libertou mais de 200 trabalhadores em situação análoga a escravidão. “Temos uma grande luta para devolver o trabalhador e a importância dos serviços de volta a um lugar de respeito, pois ainda lutamos por pisos salariais como dos enfermeiros, que até hoje sofre resistência e agora nos deparamos também com não somente dois, mas semanalmente casos que precisam ser investigados”, comenta o parlamentar. Emanuelzinho é um dos parlamentares que está a frente da defesa dos servidores e trabalhadores em geral, inclusive pedindo alteração no texto da Reforma Administrativa, uma das pautas políticas desta legislatura. “O Brasil precisa sim passar por inúmeras reformas, mas a Reforma Administrativa por exemplo, da maneira que está o texto, é impraticável porque retira muitos direitos conquistados pelos servidores. O caminho para reconstruir, precisa do trabalhador no centro da importância, o trabalho faz tudo girar e as pessoas merecem viver com dignidade”, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *