Júlio Campos diz que busca chapa com Botelho e Russi, mas dará preferência ao partido

O deputado estadual eleito Júlio Campos (União Brasil) diz que busca a formação de uma chapa para concorrer à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa que tenha Eduardo Botelho (União Brasil) e Max Russi (PSB) juntos. Mas, vê dificuldades em conseguir o acordo.  

“Eu já estou trabalhando para tentar ter uma chapa só, para mantermos a união na Assembleia Legislativa, mas… vejo dificuldades, né, para formar uma chapa única. Daqui até o dia 1º de fevereiro [data da posse e da eleição] temos um mês ainda e muita coisa pode acontecer”, afirmou. 

Júlio Campos foi convidado por Max Russi para a candidatura de vice-presidente da Assembleia Legislativa na chapa da oposição. Segundo ele, o convite ocorreu em um jantar na semana passada, na casa do atual primeiro-secretário. Júlio diz que tem ponderado sobre a alternativa. 

A candidatura dele ao comando da Assembleia surgiu em um cenário em que Botelho estava de fora da disputa. O convite de Russi teria como efeito a formação de um único grupo. 

Porém, no início desta semana o presidente Eduardo Botelho voltou a colocar a sua concorrência no tabuleiro, dias após o Supremo Tribunal Federal (STF) tomar uma decisão que pode favorecê-lo. Basicamente, o Supremo resolveu indiretamente a pendência que tirou Botelho do segundo mandato, em 2020. 

Com o reposicionamento das peças, Júlio diz que a sua tendência é priorizar a candidatura de Eduardo Botelho pelo partido – ambos são filiados ao União Brasil. Botelho também voltaria a ter o apoio dos 14 deputados que haviam firmado acordo antes da desistência. 

“Não faz sentido três candidaturas, se o Botelho realmente for disputar. No jantar na casa da Janaína [Riva (MDB), em que a desistência foi anunciada, no mês passado] haviam 14 deputados. Eu tinha o apoio de 8, o Max de 10 e 6 estavam flutuando. Mas, se o Botelho disputar, temos que priorizar o partido”, afirmou. 

por Reinaldo Fernandes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *