Disputa por construção de cerca termina em morte em MT

m homem que estava trabalhando foi morto com um tiro na cabeça próximo das 10h da manhã desta sexta-feira, dia 09, na gleba Somapar, zona rural do município de Juruena. O suspeito que já foi identificado pela polícia fugiu levando a arma do crime.

Quando a equipe de policiais civis juntamente com o delegado de polícia, Dr. Mateus Almeida Oliveira Reiners e uma guarnição da Polícia Miitar chegou no local, encontrou Rogério Fernandes De Freitas, de 20 anos, morto próximo à rodovia MT-208, cerca de 36 km de Juruena, ao lado de uma cerca de arame.

As investigações iniciais da polícia civil dão conta de que a motivação do assassinato se deu por conta de uma discussão banal relacionada a uma cerca de arame liso que estava sendo construída pela vítima em um local em que o suspeito pediu para não construir.

Conforme a polícia, Rogério continuou com os trabalhos, no entanto, o suspeito foi até a sua residência cerca de 03 km, e pegou uma espingarda, e ao retornar se aproximou da vítima e disparou um tiro que atingiu a região occipital da cabeça do sitiante que morreu no local.

Após levantamento das informações, os policiais realizaram diligencias até a residência do suspeito, porém ele não foi encontrado e receberam informações de que ele acabou fugindo para a mata levando a espingarda.

O corpo da vítima foi removido e trazido ao IML, em Juína, e após exame de necropsia será liberado para os familiares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *