Eduardo Botelho e Emanuelzinho são os mais lembrados por eleitores em MT

A corrida eleitoral para alcançar uma das 24 cadeiras do Poder Legislativo de Mato Grosso em Várzea Grande tem 3 políticos com base eleitoral na cidade.

O atual presidente do Legislativo estadual, Eduardo Botelho (União) é o mais lembrado por 11,94% dos entrevistados pelo Gazeta Dados entre os dias 26 a 28 de agosto no município.

Em 2º Lugar aparece o atual presidente da Câmara Municipal da cidade, Fabio Tardin (PSB) com 7,09%.

Já quem aparece em terceiro lugar é o ex-governador Júlio Campos (União) que foi lembrado por 3,73%.

A disputa entre os 3 pelos votos dos várzea-grandenses tem tensionado a relação entre eles. Fábio Tardin, por exemplo, deixou o União Brasil para se lançar à disputa e evitar que fosse preterido para apoiar Júlio Campos.

Júlio e Botelho também se estranharam no início da campanha e foram pivô de discussões entre lideranças no município.

O deputado estadual Faissal Calil (Cidadania) aparece com 1,87%.

O presidente Câmara Municipal de Cuiabá, Juca do Guaraná Filho (MDB) e o deputado estadual Lúdio Cabral (PT) foram lembrados por 1,49% dos entrevistados.

Já a vereadora de Cuiabá, Edna Sampaio (PT), a deputada Janaina Riva (MDB) e o deputado Max Russi (PSB) alcançaram 1,12%.

Os deputados Paulo Araújo (PP) e Wilson Santos (PSD) foram citados por 0,75% , o mesmo número de Rafael Yonekubo (PTB). Alex Sandro do Republicanos tem 0,38%.

A lista se encerra com o ex-secretário de Cultura e Esporte, Beto dois a um (PSB), Cida (DC), Edcley Coelho
(PSB), Eder Moraes (PV), Jamil Abreu (DC), Laura Leventi (PSB), Marcão do Alho (PODE) e Professor Eurico (PP), que foram citados por 0,37% dos entrevistados.

Já 63,43% dos entrevistados não souberam ou não quiseram responder.

Câmara Federal

Na disputa para as 8 vagas de deputado federal, Emanuelzinho (MDB) é o mais lembrado com 6,34%. Ele, que tenta a reeleição, chegou a disputar a prefeitura de Várzea Grande em 2020.

A liderança pode ser o reflexo do último pleito.
 
Já o deputado estadual Allan Kardec (PSB) aparece em 2º lugar com 5,60%. Drª Mara (Podemos) aparece na lista com 4,85% e o suplente de deputado federal Valtenir Pereira (MDB) com 1,87%.

O ex-comandante da Polícia Militar, coronel Assis (União), o suplente de senador Fábio Garcia (União) e Rogerinho Dakar (PSDB), foram citados por 1,49%.

Gisela Simona (União), Nicinha (Republicanos) e o vereador de Cuiabá, Sargento Vidal (MDB) alcançaram 1,12%.

Os deputados federais Carlos Bezerra (MDB) e Nelson Barbudo (PL) e Rosa Neide (PT), procurador Mauro (PSOL) e Bruno Campos (REDE), tem 0,75% cada um.

A lista dos mais lembrados se encerra com Analady (PTB), Eduardo Magalhães (Republicanos), o deputado federal Juarez Costa (MDB), o ex-juiz federal Julier (PT) e Simone (DC), tiveram 0,37%.

Já 67,16% dos entrevistados não quiseram ou não souberam responder.

Vale lembrar que a pesquisa para deputado estadual e federal não tem cunho científico e foi realizada de maneira espontânea.

Ou seja, quando o consultado é questionado para qual candidato ele vai votar.

A pesquisa foi realizada entre 26 a 28 de agosto e ouviu 325 pessoas de forma presencial.

A metodologia de pesquisa é Survey, com realização de entrevistas utilizando questionário estruturado junto a uma amostra representativa populacional do Estado de Mato Grosso.

Foram feitos questionários em 89 bairros do município.

Fonte: Eleições 2022

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *