conecte-se conosco


Várzea Grande

Vereador vai pedir suspensão imediata do reajuste do transporte coletivo em VG

Publicado

em

O vereador, por Várzea Grande, Rogério França Martins – Rogerinho da Dakar (PV), disse em entrevista exclusiva ao MT  de Fato, que vai pedir imediata redução do valor da tarifa dos ônibus do município.

Na tribuna, Rogerinho pontua que em Várzea Grande, o preço da tarifa no ano de 2018 subiu de R$ 3,60 para R$ 3,85. Já em 2019 foi reajustado para o valor atual de R$ 4,10. Por isto, o parlamentar pede que seja realizada uma Comissão para cobrar a redução do valor da passagem de ônibus no município.

“Em Cuiabá se uniram cinco ou seis vereadores e entraram com um requerimento ao Ministério Público de Contas pedindo o cancelamento do aumento da passagem de ônibus, que foi acatado. Hoje a tarifa da Capital voltou ao preço anterior. No requerimento dos vereadores cuiabanos, eles apontam a péssima qualidade dos ônibus, falta de pontos e a insuficiência do número de veículos que não conseguem atender a demanda. Em Várzea Grande a situação não é diferente, e os nossos munícipes pagam caro pelo transporte sem uma prestação de um serviço de qualidade”, destaca o vereador.

O vereador Ícaro Reveles (PSB), autor de um requerimento aprovado na sessão ordinária do dia (28.02), que solicitou os estudos técnicos que justificasse esse aumento, afirmou que dependendo da resposta, a Casa de Leis irá propor uma representação no Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT), pedindo a redução.

“Por isto entramos com aquele requerimento na última sessão para fazer estudos sobre o aumento da tarifa. Caso a Prefeitura não comprove o porquê do aumento, vamos entrar com uma representação no Tribunal de Contas, e outras medidas que foram necessárias”, disse Reveles.

Da: Assessoria

 

3 Comentários

3
Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
carlosFagner AugustoElionete Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Elionete
Visitante
Elionete

Tem que pedir a redução, já participei de movimentos contra o aumento da passagem, na época foi feito um estudo e verificamos que o ganho sobre o usuário é absurdo.
E nem ônibus de qualidade temos

Fagner Augusto
Visitante
Fagner Augusto

Meu vereador 👍👍

carlos
Visitante
carlos

não só redução da passagem de o
ônibus ,mas o aumento da tarifa de água um absurdo em dois anos reajustarão em 38 porcento 38% sendo que a inflação não deu nem 10% e niquem fala nada socorro .

Várzea Grande

Taxistas e representantes dos aplicativos de transportes se reúnem com vereadores

Publicado

em

Os vereadores de Várzea Grande se reuniram na manhã dessa quinta-feira (21.03), para debater as emendas apresentadas pelo vereador Ícaro Reveles (PSB), no Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo, que regulamenta o serviço de Uber e outros transportes executados por meio de plataformas tecnológicas, no município.

Reveles relatou que a reunião contou com a presença dos representantes da Associação dos Motoristas por Aplicativos do Estado de Mato Grosso (AMA-MT), e o Sindicato dos Taxistas de Várzea Grande (Sintavag). Segundo ele, ambas as categorias debateram e chegaram a um consenso sobre as emendas apresentadas na sessão da última quarta (20).

“Reunimos para discutir as emendas que eu apresentei. Então, chegamos a um consenso. Acredito que o projeto agora ficou muito melhor do que estava antes”, afirmou o parlamentar, garantindo que o projeto será colocado em votação na sessão ordinária, prevista para ocorrer na próxima quarta-feira, dia (27.03).

O líder do Executivo na Câmara Municipal, o vereador Pedro Paulo Tolares – Pedrinho (DEM), destacou que os representantes do transporte por aplicativos são favoráveis a regulamentação.

“Os taxistas e os motoristas do transporte por aplicativo concordaram com todos os pontos que foram apresentados. O projeto original dizia que era um carro para 1,5 mil habitantes, com a emenda, retirou essa limitação. Foi discutido também a taxa sobre o TGO que é das operadoras, onde estava no valor de 15 UPFs, ficou para 5 UPFs por veículo. Houve também, a retirada da restrição que impedia servidor público de fazer o serviço de Uber. Já a questão do tempo de uso dos veículos, ficou acordada para 8 anos. Esses foram os pontos mais relevantes da reunião”, apontou.

Também participaram da reunião os vereadores, Rogério França Martins – Rogerinho da Dakar (PV), Gisele Aparecida de Barros – Gisa Barros (PSB), Joaquim Antunes (PSDB), Nilo Campos (DEM), vereador Miguel Angel (PSDB), Claido Celestino Batista, popular Ferrinho (Avante), e os secretários municipais de Governo, Kalil Baracat e de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana de Várzea Grande, Breno Gomes.

Fonte: Assessoria/Adriana Assunção

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana