conecte-se conosco


Política MT

Vereador avalia que população mandou recado a classe política

Publicado

em

O vereador por Cuiabá e presidente municipal do PV, Delegado Marcos Veloso ao avaliar as eleições estaduais, nesta terça-feira (9), ressaltou que a população mandou um recado aos políticos, de que não será a força da estrutura que fará a diferença nas eleições.

“As urnas falam mais alto e elas deram seu recado. Estamos há dois anos do pleito eleitoral municipal e o que vai colocar alguém num cargo eletivo, não será a força política ou estrutural, mas sim a sua conduta, comportamento e postura. Política não só de mãos limpas, mas também de atitudes limpas”, analisou Marcos Veloso.

O parlamentar exemplificou com a renovação da Assembleia Legislativa, onde 14 nomes novos irão assumir as 24 cadeiras no próximo pleito. Nesse grupo, dois deles foram eleitos pelo PV. São eles, o ex-vereador por Cuiabá, Faissal Calil e o médico pediatra Dr. Gimenez.

“O Partido Verde entrou na renovação da Assembleia Legislativa, com Faissal e o Dr. Gimenez. Entramos num novo tempo da política deste país, num novo tempo da política de Mato Grosso. Nosso partido tem muito a contribuir com esse momento”, ressaltou Marcos Veloso.

 

Por Bruno Garcia

Comentários Facebook

Política MT

TRE aciona Polícia Federal e Ministério Público Eleitoral para investigar denúncia feita por senadora eleita

Publicado

em

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso, desembargador Márcio Vidal acionou a Polícia Federal e o Ministério Público Eleitoral para investigar a veracidade das informações transmitidas pela candidata eleita ao Senado, Selma Arruda, na tarde desta quinta-feira (14/12) em sua rede social.

Em vídeo veiculado no Facebook, a candidata eleita afirma ter sido extorquida três vezes para obter uma sentença favorável no TRE-MT.

O presidente do TRE ressalta que nenhuma denúncia envolvendo servidores ou magistrados da Instituição passará incólume. Se comprovada a veracidade da mesma, todos os envolvidos serão responsabilizados nos termos da lei. A mesma regra se aplica à eleita, se comprovada que as informações por ela repassadas são inverídicas.

O Tribunal reafirma o compromisso de adotar todas as medidas necessárias para garantir a transparência, a lisura e a integridade de suas ações na condução processual.

Todas as prestações de contas dos candidatos estão sendo analisadas com rigor técnico e de acordo com os trâmites legais. A Justiça Eleitoral destaca a importância desse procedimento, uma vez que é nessa ocasião que se afere a legalidade e legitimidade dos recursos utilizados na campanha, como forma de combater o abuso do poder econômico e político, bem como das condutas de falsidade ideológico eleitoral (caixa dois).

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Comentários Facebook
Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana