conecte-se conosco


Várzea Grande

Serviços Públicos são reforçados nas regiões da cidade

Publicado

em

O cronograma de limpeza urbana segue atendendo aos bairros do município. Como o verão está chegando ao fim e as chuvas começando a espaçar, a Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana está intensificando os serviços de limpeza e conservação de vias e logradouros públicos do município. Ao longo da semana passada as ações estiveram concentradas nos bairros Mapim, Embauval, Souza Lima e em toda a extensão da Avenida João Paulo II, conhecida também por 31 de Março.

Os esforços da limpeza pública são potencializados por outras ações da Prefeitura de Várzea Grande, como da recuperação da malha viária, operação tapa-buraco e pavimentação de novas ruas e avenidas, a exemplo do bairro Mapim, que além do serviço de limpeza em geral está sendo feita a pavimentação asfáltica de várias vias da localidade. “Essa interação entre as pastas diminuem as demandas e os custos com a logística que é disponibilizada em cada região”, informou o titular da pasta, Breno Gomes.

Para o secretário a divisão da cidade por regiões tem facilitado o trabalho realizado pelos servidores da Prefeitura, apresentando um resultado mais rápido na conclusão das ações realizadas. “É um trabalho constante, onde são realizados os serviços de varrição, capina, roçada, pintura de meio-fio, recolha de entulhos e trocas de lâmpadas, por isso é necessário e fundamental a participação popular nas ações realizadas pela Prefeitura Municipal para a conservação da limpeza pública”.

A Secretaria de Serviços Públicos também tem feito ainda a limpeza de várias vias de acesso a bairros que estão sendo usados para descartes de lixos domésticos e entulhos, como restos de materiais de construções. Nesta semana a ação estará concentrada no entorno do Residencial Jacarandá, onde equipe da Prefeitura Municipal já esteve fazendo a inspeção das áreas comprometidas.

Breno Gomes disse que esse tem sido um problema recorrente em Várzea Grande e que embora a Prefeitura Municipal tenha trabalhado de forma conjunta com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural Sustentável e a Defesa Social, por meio da Guarda Municipal, no combate a essa ação criminosa, pessoas sem comprometimento com a saúde pública, continuam fazendo o descarte irregular de lixo ou entulhos em locais inadequados. Empresas de descarte de entulhos de construção já foram multadas e autuadas, pela prática.

O secretário informou ainda que os fiscais do meio ambiente estão percorrendo todos os bairros da cidade num trabalho de monitoramento das áreas que frequentemente recebem o descarte de lixo irregular. “O nosso objetivo é orientar as pessoas para que não utilizem essas áreas como depósito de lixo, mas caso sejam reincidentes, serão multados”, alertou Breno Gomes.

A população também pode ajudar o poder público informando os locais onde estão sendo feito o descarte irregular de lixo nos bairros de Várzea Grande. As denúncias podem ser feitas à Ouvidoria Cidadã pelo número 0800.647.4142, sendo a identidade do autor da comunicação, resguardada.

Por: Kátia Passos – Secom/VG

Várzea Grande

Polícia prende suspeito de esfaquear vítima e largar ao lado de Pronto Socorro de VG

Publicado

em

A Polícia Judiciária Civil esclareceu a autoria de um homicídio ocorrido no dia 31 de março de 2019, em Várzea Grande. A vítima Otaniel Monteiro dos Santos, 38 anos, foi deixada com perfurações de arma branca, em uma lanchonete ao lado do Pronto Socorro do município, local onde foi à óbito na noite do mesmo dia.

O suspeito foi identificado pelo nome de Willian dos Santos Castro, 37 anos, Ele teve a prisão temporária (30 dias) representada nas investigações da Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) e cumprida na quinta-feira (18), na zona rural do município de Poconé, onde também responde por outro homicídio, em que uma pessoa morreu enforcada.

Testemunhas ouvidas no inquérito policial contaram que a vítima foi largada por desconhecidos na porta do estabelecimento, com muito sangramento. Quatro populares carregaram a vítima em um carrinho de mão, emprestado de uma obra vizinha, até o PSM-VG.

Na investigação, os policiais apuraram que a vítima foi deixada no local (lanchonete) por uma motocicleta, que após largá-la sangrando na calçada tomou rumo ignorado. Outras testemunhas também viram a vítima sendo largada no local e informaram que ela estava na garupa da motocicleta, muito debilitada e sem capacete, que logo saiu em alta velocidade, impossibilitando anotar a placa.

Foi apurado que o suspeito, Willian, residia com a vítima em uma das quitinetes no bairro Jardim Icaraí, em Várzea Grande.

Conforme o delegado Caio Fernando Álvares de Albuquerque, o homicídio foi praticado por motivo fútil e recurso que impossibilitou a defesa da vítima. “Demonstra haver indícios suficiente de autoria em face do suspeito. Era pessoa conhecida por todos que se encontravam no local”, disse.

O delegado acrescentou que a prisão temporária será representada pela conversão em prisão preventiva, por o suspeito ser réu confesso e reconhecido por testemunhas como autor das facadas.

Fonte: Assessoria |PJC-MT

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana