conecte-se conosco


Interior

Propriedade em Barão de Melgaço é multada em R$1 mi

Publicado

em

Uma propriedade rural de Barão de Melgaço, no Pantanal mato-grossense, foi multada pela secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) em R$1 milhão por descumprimento de embargo e impedimento da regeneração natural em área previamente embargada. Além da responsabilidade administrativa, com pagamento de multa, o proprietário também será responsabilizado penal e criminalmente e o Ministério Público será comunicado.

A infração foi constatada por meio de monitoramento de imagens de satélite, realizado regularmente em áreas embargadas, e posteriormente confirmada ‘in loco’ pela ‘Operação Permanente Pantanal’, realizada pela Coordenadoria de Fiscalização de Flora da Sema. A ação aconteceu na terça-feira (07.08), com apoio do Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental (BPMPA).

A área havia sido embargada pelo desmate de vegetação nativa em área de especial proteção, no bioma Pantanal. Tanto o dono como o gerente da propriedade responderão por desobedecer ordem legal de funcionário público.

Na fazenda foi encontrado um trator esteira organizando montes de material lenhoso para posterior queima, visando implantar pastagem. O operador do trator, executor do dano ambiental, foi conduzido à Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema) para esclarecimentos.

Os mandantes, proprietário e gerente, não se encontravam no local no momento do flagrante. Foram apreendidos um trator esteira e um trator de pneu com grade de arado.

Denúncias

A Sema orienta que denúncias devem ser feitas pela ouvidoria no telefone 0800653838 e garante sigilo sobre o denunciante.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Interior

Ventos fortes e chuva derrubam árvores, placas, torre e deixam parte de Sinop sem energia

Publicado

em

Uma torre de transmissão de televisão local, localizada na avenida dos Flamboyants, não resistiu aos fortes ventos e a chuva, esta  tarde, na cidade, e caiu.  A estrutura metálica ficou na pátio da Mitra Diocesana. Na avenida Julio Campos a fachada de uma loja de roupas caiu na calçada. Ninguém teria sido atingido.

O vento também derrubou algumas árvores. Na avenida das Sibipirunas, no centro uma deles ficou na pista impedindo o tráfego no cruzamento com a ruaPitangueiras (onde há semáforo). Outras caíram na avenida Julio Campos, ao lado da rodoviária, na rua das Tamareiras, no bairro Boa Esperança e no Setor Industrial Norte. O Corpo de Bombeiros está cortando os troncos.

Placas de publicidades na avenida Bruno Martini(sentido aeroporto) também caíram. outras, em locais diferentes também foram danificadas.

No centro da cidade e em alguns bairros falta energia elétrica há mais de duas horas. Na região central e outros bairros ficaram sem energia. Não há informações de quantas residências foram afetadas nem foi feita previsão do horário que será reestabelecido o fornecimento de energia.

Em instantes, mais detalhes

Só Notícias/David Murba (foto: divulgação)

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana