conecte-se conosco



Cuiabá

Processo seletivo do HMC com 1.892 vagas encerra as inscrições neste domingo

Publicado

em

Encerra neste domingo (16), o prazo para inscrição do processo seletivo da Prefeitura de Cuiabá, destinado a contratação de servidores para o Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) Dr. Leony Palma de Carvalho.

No total, o seletivo que foi lançado no dia 13 de maio, destina 1.892 vagas, sendo 1.248 imediatas e mais 600 cadastros de reserva, subdivididos nos níveis médio, médio técnico e superior.

As remunerações que estão acima da média praticada nacionalmente e tem a aprovação de sindicatos da Capital, têm iniciais de R$ 1.127,39 a R$ 5.522,02. Os proventos ainda terão acréscimos como insalubridade, auxilio alimentação, dentre outros inerentes ao regime jurídico dos contratos temporários com base na Consolidação das Leis do Trabalho – CLT.

“Sob a determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, a Comissão de acompanhamento do Processo Seletivo elaborou estudo técnico detalhado acerca de todas as categorias englobadas no certame, consultando as principais fontes de pesquisa salariais de mercado, bem como os pisos salariais das categorias profissionais relacionadas, com o objetivo de trazer completa adequação com o que é praticado no mercado de trabalho. Além disso, tendo em vista que a contratante é uma empresa pública, os aprovados terão acréscimos como insalubridade, alimentação e todos os direitos e respaldos resguardado ao trabalhador de carteira assinada”, explicou o diretor geral da Empresa Cuiabana de Saúde Pública, Alexandre Beloto.

Dentre as ofertas do certame, estão vagas para Recepcionista, Motorista (CNH B e CNH D), Porteiro, Eletricista, Vigia Patrimonial, Telefonista, Pedreiro, Técnico em Contabilidade, Técnico de Enfermagem, Técnico de Farmácia, Técnico de Hemoterapia, Técnico de Higienização Bucal e Técnico de Imobilização Ortopédica (Gesseiro), Administrador, Advogado, Analista de Rede, Analista de Sistemas, Assistente Social, Cirurgião Dentista, Cirurgião Dentista (Bucomaxilo, Facial e Traumatologista), Contador, Enfermeiro Assistencial, Engenheiro Clinico, Estatístico, Farmacêutico, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Nutricionista, Pedagogo Hospitalar, Psicólogo, Psicólogo Organizacional, Secretário Executivo, Técnico de Nível Superior (Vigilância em Saúde), Tecnólogo em Recursos Humanos e Terapeuta ocupacional, entre outras funções.

INSCRIÇÕES

As inscrições devem ser feitas até 16 de junho, no site do organizador, o Instituto Selecon (www.selecon.org.br). O valor da taxa de inscrição é de R$ 60 para as funções de níveis médio e técnico e de R$ 70 para as de nível superior. Para efetivar a participação no processo seletivo, é preciso quitar o valor da inscrição, pois ela somente será validada após a confirmação do pagamento do boleto bancário. Há vagas reservadas para as cotas.

O processo seletivo é composto por uma prova objetiva de conhecimentos gerais e específicos, de acordo com a função, e análise de títulos. A prova objetiva está prevista para o dia 14 de julho. O resultado final do processo seletivo está previsto para o dia 8 de agosto.

 

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Família de aposentada de 83 anos é a primeira beneficiada do programa de reforma de residências

Publicado

em

Telha, parafusos, conjunto de aroeira, vigas de madeira. Itens que vão transformar, para melhor a vida de uma família de 10 pessoas e dar um sono mais tranquilo para dona Joaquina, senhora de 83 anos, aposentada, moradora do bairro Planalto e também a primeira beneficiada com a reforma da sua casa pelo programa “Bem-morar”, da Prefeitura de Cuiabá.

Com paredes azuis, a casa de dona Joaquina é facilmente reconhecida. Da calçada se pode ver apenas metade do imóvel, já que ele se encontra abaixo do nível da rua. Esta condição é um dos grandes problemas para a dona da casa. Com a idade veio também as limitações físicas e por conta delas, dona Joaquina quase não sai de casa. Quando necessita, só com ajuda consegue superar o alto degrau da escada improvisada que leva a calçada. O acesso a casa é um dos muitos problemas do lar de dona Joaquina. Pelo declive em que se encontra, a casa é escura, praticamente não recebe luz solar. O piso está deteriorado, há problemas de encanamento e infiltração.

“Se o Prefeito não vem arrumar pra mim eu não sei o que seria, porque quando chovia a água corria dentro desta casa aqui. Descia pela parede, corria no chão e molhava tudo. Eu não tinha sossego pra dormir. Agora eu vou dormir tranquila, vou soltar até foguete”, explicou, feliz da vida, dona Joaquina, que recebeu a visita do prefeito Emanuel Pinheiro e da primeira-dama Marcia Pinheiro, na última sexta-feira (19).

Dona Joaquina é a primeira beneficiada do programa “Bem-morar, A Prefeitura Reforma a Sua Casa”, a receber seu projeto de reforma aprovado. O telhado será trocado logo nesta primeira etapa da reforma. Ao todo, 300 famílias de cinco bairros da região leste de Cuiabá serão beneficiadas nesta primeira edição: Vale do Carumbé, Jardim Umuarama, Planalto, Três Barras, Altos da Glória. Um dos requisitos na seleção dos bairros que receberiam o programa foi justamente ser uma área considerada Zona Especial de Interesse Social (ZEIS).

Após o estabelecimento da área, a equipe da Secretaria de Habitação realizou um trabalho de campo para selecionar as famílias que mais tinham necessidade do subsídio. Foi aí que conheceram a dona Joaquina, senhora de 83 anos, aposentada, moradora do Planalto que sustenta a família de 10 pessoas, entre filha e netos, com um salário mínimo.

“Dinheiro não sobra, é tanta coisa e às vezes tem que pagar um exame, comprar o remédio, mas agora eu achei um filho de Deus que é o Prefeito, e que vai me ajudar”, completou a senhora emocionada.

No Bem-morar, cada família beneficiada recebe um cartão reforma com até R$ 12 mil para ser investido em melhorias no lar sem necessitar devolver o valor ao Município. A avaliação da situação do imóvel é feita por equipe de professores do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), que identifica as necessidades de melhorias e elaboram um projeto para a obra. A parceria entre Prefeitura e UFMT foi firmada por meio de um convênio de cooperação técnica entre a Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária e Fundação Uniselva, uma oportunidade também de aprendizado para alunos da instituição que colaboram sob supervisão de profissionais qualificados.

Prefeito e primeira-dama explicaram para Dona Joaquina como funciona o programa e como serão as etapas da reforma. Feita a entrega do cartão definitivo, se dirigiram até a loja de materiais de construção mais próxima para finalizar a compra dos itens para a reforma estabelecidos no projeto.

“Estou muito feliz, estamos muito felizes em poder realizar o sonho dessas famílias muito carentes, como é o caso da dona Joaquina que sozinha sustenta uma família de vários filhos com um salário mínimo e tem um casa que precisa praticamente de tudo. Aqui a Prefeitura vai estender a sua mão solidária, a sua humanização para que a dona Joaquina tenha uma vida mais digna e uma casa melhor”, declarou Pinheiro.

O programa, idealizado pela primeira-dama Márcia Pinheiro integra as ações realizadas pela gestão Emanuel Pinheiro de levar qualidade de vida à população mais carente.

“Este programa vai ser um sucesso retumbante, eu tenho certeza, porque nós não estamos melhorando a quantidade de habitações, mas a qualidade, exatamente o que diz a Constituição Federal: moradia digna. E é isso que o prefeito briga e impõe: condição de cidadão!”, comentou o secretário de Habitação e Regularização Fundiária, Air Praeiro.

O valor repassado para cada família é calculado a partir das necessidades apontadas no projeto e deve ser destinado 25% para mão de obra e 75% para aquisição de material de construção civil. O recurso para atender a demanda é oriundo da Fonte 100 do Município.

 

Redação

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana