conecte-se conosco


Cuiabá

Pinheiro apresenta novo layout da frota de veículos do transporte público da Capital

Publicado

em

A frota de 363 ônibus, estará circulando pela cidade, com o novo layout, até dezembro de 2019, ano em que Cuiabá celebra os seus 300 anos

Reforçando o compromisso com a modernização do sistema do transporte público da Capital, o prefeito Emanuel Pinheiro apresentou, na tarde desta terça-feira (6), o novo layout da frota de ônibus, que atende os mais de 60 milhões de usuários que circulam, por ano, neste cenário. A ação aconteceu no pátio do novo Pronto Socorro, onde o chefe do Executivo montou seu gabinete.

A medida foi determinada para as empresas prestadoras do serviço, por meio do Decreto nº 6.833/19, publicado no Diário de Contas que circula nesta quarta-feira (7). O documento prevê que todos os veículos estejam alinhados à padronização de cores e codificação de programação visual – design – até dezembro de 2019, ano em que a cidade celebra os seus 300 anos.

“Com isso, melhoramos a parte de identificação das linhas, diminuímos a poluição visual e também embelezamos nossa cidade. Os pequenos detalhes fazem a diferença na nossa gestão. É dessa forma que venho administrando Cuiabá, demostrando todo meu carinho, zelo e amor por esta terra maravilhosa, de gente calorosa e alegre, que, tenho certeza, chegará aos seus 300 anos como uma das melhores capitais para se viver”, externou Pinheiro.

A frota ganhará as cores verde e branca, com símbolos tradicionais da cultura cuiabana, além da frase que lembra do famoso calor da cidade e da hospitalidade da população. Alinhado à ação, segundo o secretário de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo, o sistema de transporte, em breve, ganhará novos reforços, com veículos e pontos de ônibus climatizados.

“A gestão vem trabalhando, sem medir esforços, para adequar o transporte público de Cuiabá a um padrão que atenda, com a máxima qualidade e conforto, o cidadão que depende desse serviço.  Está em andamento um estudo, com o intuito de fazer um levantamento de quais as ferramentas, modelos, entre outras especificações, para a implantação de novos abrigos e também a adequação dos veículos, que devem circular com ar-condicionado” reiterou Antenor.

 

Sistema de transporte público da Capital – Hoje, a frota do transporte público de Cuiabá atende 70 linhas. Dessa frota, 20% dos ônibus são climatizados. Neles, circulam, por ano, mais de 60 milhões de usuários que se abrigam nas 2.300 paradas de ônibus, sendo que 780 delas possuem cobertura. Uma das primeiras ações da gestão atual, na busca por melhorias desse sistema, foi a entrega da Estação Alencastro. Inaugurada em janeiro deste ano, a Estação é a primeira movida à energia solar e toda climatizada do estado.  Por dia, passam por ela mais de 25 mil pessoas.

“Hoje, a Prefeitura de Cuiabá tem um projeto de modernização do serviço de transporte público. No que diz respeito aos pontos de ônibus, o projeto se iniciou com a inauguração da Estação Alencastro e segue com a proposta de instalar modelos iguais em pontos críticos da cidade, como Ipiranga – área central – e também região do Coxipó e grande CPA.  Além do modelo de Estação, outros locais devem receber abrigos de ônibus –  cerca de 80 pontos, em diversas regiões -, com estrutura de contêineres, semelhante ao modelo instalado na frente do Shopping Pantanal”, completou o secretário.

 

Foto Luiz Alves

 

Comentários Facebook

Cuiabá

Mais de 10 mil advogados devem votar nas eleições da OAB-MT na próxima sexta-feira

Publicado

em

Acontece na próxima sexta-feira (23) as eleições para o conselho seccional e subseções da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB-MT). A votação ocorrerá simultaneamente na sede, em Cuiabá, nas 29 subseções e também em seções instaladas nos municípios de São José do Rio Claro, Tapurah, Sapezal e Barra do Bugres, no período das 9h às 17h.

Conforme estipulado no artigo 134 do Regulamento Geral do Estatuto da Advocacia e da OAB, o voto é obrigatório para todos os advogados e advogadas inscritos na Ordem, sob pena de multa equivalente a 20% do valor da anuidade, salvo ausência justificada por escrito.

São considerados aptos a votar, de acordo com o previsto no artigo 12 do Edital de Convocação das Eleições, os profissionais devidamente inscritos e com a anuidade em dia, sendo considerado quite aquele que tenha quitado ou parcelado seus débitos e pago pelo menos a primeira parcela até o dia 24 de outubro de 2018.

Em relação aos novos advogados, apenas aqueles que prestaram compromisso até o dia 24 de outubro poderão votar.

Ao todo, 10.805 advogados e advogadas deverão votar neste pleito (confira aqui a listagem). Aqueles inscritos nas subseções votarão, simultaneamente, para eleger o conselho seccional e a diretoria da subseção a qual se encontra vinculado.

Não é permitido o voto em trânsito, ou seja, o profissional deverá votar no local informado em seu cadastro junto à OAB até 28 de setembro de 2018. Advogadas e advogados podem consultar seu local de inscrição no Cadastro Nacional da Advocacia (CNA) ou na lista de eleitores.

Os votos serão em cédulas de papel e depositado em urnas de lona. Na Capital – maior colégio eleitoral – serão disponibilizadas 10 urnas para votação. Rondonópolis será a única subseção com duas urnas e, nas demais, uma urna. Também haverá seção de votação nos municípios de São José do Rio Claro, atendido pela subseção de Diamantino; em Tapurah, ligado à subseção de Lucas do Rio Verde e Barra do Bugres e Sapezal, ambos na área de abrangência da subseção de Tangará da Serra.

Na cédula, o eleitor deve marcar de forma clara sua opção. Rasuras ou inscrições na cédula poderão anular seu voto.

Para a votação é necessário apresentar documento de identificação com foto.

Na data da eleição não é possível efetuar pagamentos ou outras regularizações de pendências.

Cuiabá – Na sede da OAB-MT, onde se concentra a maior parte do eleitorado, o acesso será exclusivamente pelo portão principal (Avenida Dr. Mário Cardi Filho, S/N), que será aberto exatamente às 9h.

O profissional deverá se dirigir ao guichê correspondente à letra inicial de seu nome para conferir sua aptidão eleitoral e retirar a senha. Com a senha em mãos, poderá se encaminhar para a seção de votação, onde deverá se apresentar ao mesário para assinar o caderno eleitoral e retirar sua cédula. O voto é realizado em cabine de votação e, depois disso, o advogado ou a advogada deverão deixar a sede. A saída será efetuada somente pelo portão lateral (auditório).

Justificativa – O artigo 13.1 do Edital de Convocação das eleições esclarece que o profissional devidamente habilitado a exercer o voto que não comparecer à eleição terá o prazo de 60 dias, contados da data do pleito, para apresentar sua justificativa.

A justificativa só poderá ser feita após o pleito, ou seja, a partir de 24 de novembro, e deve ser apresentada por escrito e instruída com os documentos que comprovem a impossibilidade de comparecer à votação e deve ser apresentada na sede da Ordem ou pelo e-mail justificativaeleitoral@oabmt.org.br.

Fonte: OAB-MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana