conecte-se conosco


Interior

Piloto que estava desaparecido é encontrado em floresta no Nortão

Publicado

em

O piloto Maicon Semencio Esteves, de 27 anos, foi encontrado na tarde desta quarta-feira (07), pelas equipes de buscas.

Maicon desapareceu no  sábado  quando pilotava o avião modelo Neiva EMB-201A, que caiu e pegou fogo em uma floresta no distrito de União do Norte – Peixoto de Azevedo (197 km de Sinop).

De acordo com o gerente da propriedade, Cláudio Favoreto, ele estava deitado às margens de um rio, aparentava estar debilitado e com algumas queimaduras no braço e no rosto devido ao fogo que houve no avião. Esteves está sendo levado, de ambulância, até União do Norte e deve ser transferido para o Hospital Regional de Peixoto de Azevedo.

Ele foi localizado pelas equipes dos bombeiros, policiais e funcionários da fazenda, a cerca de 1,5 mil metros dentro da mata, nas proximidade de um rio. Maicon reside em Primeiro de Maio, no Paraná (455 km de Curitiba).

O gerente da fazenda, que viu o avião perdendo altitude e caindo na mata, fez as primeiras buscas, ainda no sábado, com funcionários. Desde domingo as equipes passaram a andar em vários pontos na mata. Eles se dividiram, soltaram rojões a cada 20 minutos para que Maicon pudesse identificar e saísse da floresta que é muito extensa e fechada. O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) de Sorriso chegou a ser acionado para auxiliar nas buscas, mas não foi possível já que helicóptero segue em manutenção.

A causa do acidente ainda será investigada pelo Serviços Regionais de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa). Maicon também deve ser ouvido pela equipe para esclarecer a situação.

Fonte: Redação com informações do Só Noticias

Comentários Facebook

Interior

Defensor público é vítima de atentado em Poconé; veja imagens

Publicado

em

O defensor público, Dr. João Vicente Nunes Leal, que atua na comarca de Poconé (104 km de Cuiabá) compareceu na tarde desta sexta-feira (16/11) na sede da Delegacia da Polícia Judiciária Civil local para prestar depoimento em relação a um atentado sofrido contra a sua residência na noite da última quinta-feira (15/11).

Segundo o defensor, por volta das 20h30min, ele estava em sua residência quando ouviu barulhos semelhantes a “estalos” de escapamentos de motos e, por pouco, não saiu para fora afim de verificar do que se tratava. Relatou que na manhã seguinte, ao sair, identificou pelo menos seis perfurações de balas distribuídas entre o seu veículo, portão e paredes da residência.

Diante disso, o mesmo procurou as autoridades policiais para relatar e solicitar medidas cabíveis em relação ao caso. A perícia técnica já esteve no local coletando todas as informações possíveis, inclusive, com procura de imagens dos suspeitos através de câmeras de vigilância.

Um inquérito policial já foi instaurado para investigar os fatos. Informações preliminares dão conta de que os projéteis poderiam ser de uma pistola 380, porém, somente a perícia técnica poderá confirmar o real armamento utilizado na ação criminosa.

Mesmo diante da situação, o defensor disse estar tranquilo e afirmou que, na próxima semana, continuará a exercer as suas atividades, normalmente, dentro do município pantaneiro, frisou que não sofreu nenhum tipo de ameaça ou intimidação, que não tem em mente nenhum suspeito e finalizou com a frase “Vida que segue!”.

Por: Benedito Edmar (NPMP)

Comentários Facebook
Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana