conecte-se conosco


Várzea Grande

Pai e filho são presos suspeito de comercializar drogas e munições no Jardim Eldourado

Publicado

em

Pai e filho foram presos na noite desta terça-feira (16) acusados de tráfico de drogas no bairro Jardim Eldourado em Várzea Grande.
De acordo com as informações, Joaldo Gonçalo Ferreira Gomes Neto, 28 anos e Aquelino Ferreira Gomes Neto, 45 anos, foram presos após uma denúncia,a guarnição do 4º Batalhão de Polícia Militar (4ºBPM) se dirigiu até as proximidades de um mercado em busca de um suspeito de comercializar entorpecentes na região, ao ser abordado, Joaldo passou pela revista pessoal e com o mesmo foram encontrados duas porções de substância análoga a cocaína.
Segundo o Boletim de Ocorrência, após uma conversa com o suspeito ele confessou que fazia o comercio de drogas, disse ainda, que em sua residência estaria mais uma certa quantidade de drogas, assim como apetrechos que são utilizados no tráfico.
Na residência do suspeito, foi feita a busca no interior foram encontradas quatro porções da mesma substância, além de uma balança de precisão, várias munições de arma de fogo de diferentes calibres dentro de uma caixa vermelha, também foram encontrados um simulacro de arma de fogo confeccionado com madeira.
Ao ser questionado sobre as munições, o suspeito afirmou que faz o comercio do material e que ali estavam várias munições de calibre 22, calibre 38, calibre 9mm e um carregador de pistola.
A suspeita é que o carregador seja de propriedade da Secretaria de Segurança Pública do Estado, já que o local onde ficaria o brasão da instituição estava raspado.
Joaldo, faz uso da tornozeleira eletrônica e já possui diversas passagens pela polícia.
O pai do suspeito também foi conduzido porque tentou obstruir o trabalho da Polícia Militar.
Ambos estão a disposição da justiça onde serão tomadas as medidas cabíveis.

 

Redação

Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Várzea Grande

Homem é preso no Residencial Jequitibá após agredir esposa e adolescente grávida

Publicado

em

A PM foi acionada para se deslocar até ao Residencial Jequitibá, onde segundo informações estaria ocorrendo uma confusão generalizada.

Chegando ao local, os policiais se depararam com o suspeito em frente a residência, assim que percebeu a  presença da guarnição, ele tentou fugir pelo matagal.

Após a fuga, os militares fizeram contato com a denunciante, que é menor de idade e está gestante de dois meses.

A menor relatou que foi agredida pelo padrasto, que com uma faca ameaçou raspar o cabelo e matá-la em seguida.

A briga começou assim que a adolescente tentou proteger a mãe das agressões de João Paulo.

As vitimas relatam ainda que não é a primeira vez que este fato ocorre e que temem pela vida, pois segundo elas, o suspeito faz parte de uma facção criminosa.

Em seguida, a viatura recebeu uma chamada  via Ciosp, avisando que o homem foi detido por populares na Rua 11, do residencial. Segundo os moradores, o agressor, teria invadido uma das residências da rua.

Ele foi reconhecido pelas vitimas. Diante dos fatos a guarnição conduziu o suspeito ate a Central de Flagrantes para registro de boletim de ocorrência.  Ele apresentava várias lesões pelo corpo provocada por populares no momento da sua detenção.

Continue lendo

Artigos

Polícia

Política MT

Várzea Grande

Cuiabá

Mais Lidas da Semana